quarta-feira, 28 de julho de 2021

“Não gosto de cachorro”, disse homem ao ser preso em flagrante pela Polícia Militar de Ponta Porã por disparo de arma de fogo e morte do animal




Policiais Militares do 4º Batalhão em Ponta Porã prenderam em flagrante um homem de 40 anos de idade por ter matado um cachorro com disparo de arma de fogo.

O fato ocorreu na manhã desta quarta-feira (28/7), por volta das 10h32 em uma residência localizada nas proximidades do 4º Batalhão de Polícia Militar, situado à rua Antônio João/Centro de Ponta Porã. Segundo o que foi constatado no local, um Policial Militar que passava pela via, visualizou o homem apontando uma arma de fogo para um cachorro e em seguida acertando um tiro na região da cabeça do animal.

Diante dos fatos uma equipe da PM foi até o local e prendeu o autor em flagrante, com ele os policiais apreenderam a arma de fogo utilizada no crime, sendo um revólver calibre .38, sem registro. Indagado sobre os fatos o autor disse que: “não gosta de cachorro” e nesta data efetuou o tiro com a intensão de ceifar a vida do animal, que acabou morrendo no local.

O autor foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil, para os procedimentos que o caso requer.





Nenhum comentário: