domingo, 6 de junho de 2021

Chacina em Sanga Puitã deixa quatro mortos, pistoleiros atiraram mais de 60 vezes com fuzis e pistolas

Um quinto baleado está em estado grave, crime ocorreu na madrugada deste sábado, na fronteira com o Paraguai




Ataque de pistoleiros deixou quatro pessoas mortas durante uma festa realizada na madrugada deste domingo (5), em Sanga Puitã, distrito de Ponta Porã, município sul-mato-grossense localizado na fronteira com o Paraguai, a 346 quilômetros de Campo Grande.

As vítimas foram identificadas como Lucimara Porto Colman, de 25 anos, Maicon Douglas Moura, de 22 anos, Marcos Medina Recalde, de 26 anos, e Vicente Rodrigues Júnior, de 33 anos.

De acordo com a Polícia Civil, testemunhas relataram que por volta das 2 horas, dois veículos de cor escura estacionaram em frente à residência onde era realizado o evento. Em seguida, pistoleiros armados desembarcaram, invadiram o local e atiraram mais de 60 vezes. Marcos e Maicon morreram na garagem.

Júnior foi baleado e caiu morto na varanda, enquanto que Lucimara chegou a ser socorrida, mas morreu enquanto era transportada ao Hospital Regional de Ponta Porã. Um quinto baleado está em estado grave.

No local a perícia encontrou 36 cápsulas de calibre 5.56mm, 21 cápsulas de calibre 9mm, e 7 cápsulas de calibre .380 espalhadas pela garagem, varanda e fundos da residência. Ainda não há informações sobre autoria e motivação do crime.




Nenhum comentário: