terça-feira, 29 de junho de 2021

Força Tática do 4º Batalhão captura um foragido da justiça em Ponta Porã




Policiais Militares da Força Tática do 4º Batalhão de Polícia Militar prenderam na manhã desta segunda-feira (28/6) um homem de 58 anos de idade com mandado de prisão em aberto.

A ocorrência foi registrada quando a equipe realizava rondas pelo Residencial Ponta Porã e ao realizarem a abordagem de um veículo Chevrolet – Celta, conduzido por um homem de 37 anos de idade, constataram que o passageiro tinha contra si um Mandado de Prisão a ser cumprido.

Diante dos fatos o homem foi conduzido à Delegacia para os procedimentos legais.
 

sábado, 26 de junho de 2021

Polícia Militar de Sanga Puitã apreende 400 pacotes de cigarros que seguia para Presidente Epitácio SP




Policiais Militares do 4º Batalhão de Polícia Militar de Ponta Porã, realizaram a apreensão de 8 caixas de cigarros contrabandeados do Paraguai no distrito de Sanga Puitã, que seriam levados para a cidade de Presidente Epitácio – SP.

A ocorrência foi registrada por volta das 15h30 desta sexta-feira (25/6) quando um veículo VW-Gol, cor vermelha, com placas de Bataguassu-MS foi abordado, após levantar suspeita e sair em alta velocidade pela BR 463, sentido à Dourados. Os policiais ao abordarem o veículo, identificaram os ocupantes, sendo um homem de 43 e uma mulher de 37 anos de idade, ambos moradores de Presidente Epitácio – SP.

Ao ser vistoriado o interior do veículo os policiais localizaram 8 caixas de cigarros, totalizando 400 pacotes que seriam levados para a cidade de origem dos envolvidos. Diante dos fatos o cigarro e o veículo foram apreendidos e serão entregues na Receita Federal de Ponta Porã, os envolvidos foram qualificados, e após a confecção do Boletim de Ocorrência, foram liberados.

sexta-feira, 25 de junho de 2021

Polícia Militar cumpre dois mandados de prisão, um em Sanga Puitã, outro em Ponta Porã




O primeiro fato ocorreu às 23h00min desta quinta-feira (24/06), quando Policiais Militares do Distrito de Sanga Puitã/4ºBPM abordaram dois indivíduos que tentavam funcionar uma motocicleta de procedência estrangeira.

Durante a checagem através do Banco Nacional de Mandados de Prisão, os policiais constataram que um deles (49 anos) possuía um mandado de prisão em aberto.

Diante do fato, o mesmo recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao Primeiro Distrito Policial.

A segunda prisão ocorreu no bairro Jardim Independência quando Policiais Militares da Força Tática realizaram a abordagem a um indivíduo que conduzia um veículo GM/Vectra, de cor azul.

Durante as checagens de sua documentação pessoal, os policiais constataram que o indivíduo (35) possuía um mandado de prisão a cumprir e, desta maneira, recebeu voz de prisão e foi encaminhado ao Primeiro Distrito Policial aonde segue à disposição da justiça.

terça-feira, 22 de junho de 2021

Armado com pistola e munições homem foi preso pelo DOF em Ponta Porã




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) prenderam, na tarde de ontem (segunda-feira), um homem de 30 anos de idade, por Porte Ilegal de Arma de Fogo e Munições.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um bloqueio policial para fiscalização na rodovia MS-164, na área rural do município de Ponta Porã.

Os militares deram a ordem de parada ao condutor do veículo Ford Fusion, ocupado com mais três passageiros. Durante as buscas pessoais, um dos passageiros estava com uma pistola Taurus, em sua cintura. A Arma de fogo de calibre 9mm estava com um carregador com 17 munições, do mesmo calibre, intactas.

O homem não possuía o porte ou a posse da referida arma de fogo, apenas a nota fiscal e o registro.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Civil de Ponta Porã, onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

SeComSoc
DOF/Sejusp

quarta-feira, 9 de junho de 2021

5 truques para saber se a mensagem que você recebeu no celular é do seu banco ou de um golpista




Muitos criminosos usam programas de computadores capazes de enviar imediatamente centenas de mensagens de uma só vez.

Esse tipo de fraude é chamada de "smishing", uma combinação de SMS e "phishing", que ocorre quando os hackers tentam se passar por uma pessoa ou entidade de confiança da vítima.

Veja a seguir algumas dicas de especialistas para não cair nesse tipo de golpe.

1. Pedido para clicar em um link
Mensagens fraudulentas geralmente incluem um link e incentivam o destinatário a clicar nele. Os especialistas dizem que nunca se deve clicar em um link enviado por números que você não conhece. Você nunca deve responder ou clicar no endereço enviado. Elas também podem solicitar que você baixe um arquivo ou um software. Não o faça.

2. Incluem um número de telefone para chamar
Muitas dessas mensagens têm um número de telefone para entrar em contato. "Nem pense em ligar para esse número", alerta. "Se você quiser entrar em contato com seu banco, verifique o número de telefone no verso do cartão bancário ou no site da entidade."

3. Pedido de senha e outras informações
Você nunca deve fornecer senhas ou informações pessoais e confidenciais por meio de uma mensagem de texto. "Um banco nunca entraria em contato com você para pedir sua senha".

4. O número aparece numa pesquisa na internet
A melhor maneira de checar se uma mensagem é falsa ou não é fazer uma busca na internet pelo número que a está enviando. Basta checar se o número aparece nos vários sites onde esse tipo de golpe é denunciado. Alguns sites registram a lista de números de telefones que costumam enviar mensagens fraudulentas. Você também pode colocar o número entre aspas no Google ou em outro mecanismo de pesquisa para descobrir se aparece em alguma denúncia de golpe.

5. Mensagens que chegam “do nada”
As mensagens fraudulentas geralmente vêm "do nada" e são enviadas sem que tenha sido feita qualquer solicitação. Isso ocorre porque geralmente é uma máquina que escolhe aleatoriamente os números para os quais envia as mensagens. Normalmente, essas mensagens dizem que o banco atualizou "os termos e condições do serviço" ou que você precisa "confirmar seus dados". Como regra geral, geralmente são desculpas para que os hackers possam acessar sua conta.

Se você suspeitar de fraude, é recomendável bloquear o número que enviou a mensagem para não ficar registrado na rede dos vigaristas. Nunca acredite que, porque a mensagem diz ser de uma entidade conhecida, ela é autêntica.

É recomendado também que você nunca dê seu número nas redes sociais ou responda a mensagens com "Stop (pare)" ou palavras parecidas para interromper o envio, porque assim você estará apenas informando aos golpistas que sua linha de telefone está ativa.

terça-feira, 8 de junho de 2021

Senador Nelsinho Trad conquista R$ 6,7 milhões para seis municípios de MS

Campo Grande, Brasilândia, Ivinhema, Juti, Sidrolândia e Japorã foram contemplados com recursos federais




O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) conseguiu a liberação, nesta terça-feira, de R$ 6,7 milhões de recursos federais para seis municípios de Mato Grosso do Sul. Desses valores, R$ 6,4 milhões do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) foram para Campo Grande, Brasilândia, Ivinhema, Juti e Sidrolândia e outros R$ 248 mil da Funasa (Fundação Nacional da Saúde) para Japorã.

No início da noite, o senador Nelsinho Trad recebeu do Ministério do Desenvolvimento Regional a notícia de que Campo Grande foi contemplada com a liberação de R$ 4,25 milhões do MDR para obras da malha viária nas regiões urbanas do Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo.

“Esse valor é de emenda da bancada federal empenhada em 2019. Com mais esse investimento, a gente consegue avançar muito na recuperação da malha viária da nossa capital”, comentou o senador.

Os demais pagamentos do MDR, na ordem de R$ 2,2 milhões, são de emendas individuais de parlamentares apresentadas em 2017 e 2018 que o senador Nelsinho Trad também se empenhou e garantiu os pagamentos.

O município de Brasilândia recebeu R$ 191 mil, o último pagamento do projeto para recapeamento asfáltico das ruas do Bairro Novo Porto João André.

Nos últimos dois anos e seis meses, Brasilândia teve R$ 1,2 milhão de recursos, sendo R$ 26 mil da Cidadania, R$ 800 mil do MDR e R$ 200 mil do Ministério da Saúde para combate à covid.

Já Ivinhema teve a liberação nesta semana de dois pagamentos que juntos somam R$ 858.543,00 para obras também de asfalto e R$ 300 mil no ano passado do Ministério da Saúde no combate à covid.

O município de Juti também garantiu cerca de R$ 500 mil para pavimentação de principais ruas da cidade. Para esse munícipio, o senador Nelsinho Trad já assegurou o pagamento de mais de R$ 3 milhões, R$ 1 milhão da Funasa destinado a obras sanitárias, R$ 975 mil da Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste) e R$ 968 mil do MDR para obras de infraestrutura.

Segundo o prefeito Gilson Cruz (PSD), o município está se organizando para começar as obras pelas ruas centrais. “Estamos muito satisfeitos, o senador Nelsinho Trad não é só parceiro do partido, do prefeito e, sim, da cidade de Juti e de todas as outras cidades que também são atendidas por ele independentemente de questão partidária”, afirmou o prefeito.

Em Sidrolândia, segundo assessoria da Prefeitura, a liberação dos recursos era aguardada desde o começo do ano. Os dois projetos foram apresentados em 2018 ao MDR, nos valores de R$ 330 mil e R$ 368 mil, para obras de drenagem e pavimentação.

Só Japorã recebeu o pagamento de R$ 248 mil da Funasa para implantação de melhorias sanitárias domiciliares. Até o momento, o senador Nelsinho Trad já liberou R$ 2,2 milhões para Japorã, R$ 200 mil do Ministério da Saúde para combate à covid, R$ 1 milhão do MDR para obras de infraestrutura, R$ 269 mil da Cidadania para esporte e lazer, R$ 231 mil da Defesa Civil para obras antienchentes, R$ 182 mil do FNDE e, agora, os R$ 248 mil da Funasa.

Reportagem: Neiba Ota 
Foto: Luís Carlos Campos Sales 

domingo, 6 de junho de 2021

Chacina em Sanga Puitã deixa quatro mortos, pistoleiros atiraram mais de 60 vezes com fuzis e pistolas

Um quinto baleado está em estado grave, crime ocorreu na madrugada deste sábado, na fronteira com o Paraguai




Ataque de pistoleiros deixou quatro pessoas mortas durante uma festa realizada na madrugada deste domingo (5), em Sanga Puitã, distrito de Ponta Porã, município sul-mato-grossense localizado na fronteira com o Paraguai, a 346 quilômetros de Campo Grande.

As vítimas foram identificadas como Lucimara Porto Colman, de 25 anos, Maicon Douglas Moura, de 22 anos, Marcos Medina Recalde, de 26 anos, e Vicente Rodrigues Júnior, de 33 anos.

De acordo com a Polícia Civil, testemunhas relataram que por volta das 2 horas, dois veículos de cor escura estacionaram em frente à residência onde era realizado o evento. Em seguida, pistoleiros armados desembarcaram, invadiram o local e atiraram mais de 60 vezes. Marcos e Maicon morreram na garagem.

Júnior foi baleado e caiu morto na varanda, enquanto que Lucimara chegou a ser socorrida, mas morreu enquanto era transportada ao Hospital Regional de Ponta Porã. Um quinto baleado está em estado grave.

No local a perícia encontrou 36 cápsulas de calibre 5.56mm, 21 cápsulas de calibre 9mm, e 7 cápsulas de calibre .380 espalhadas pela garagem, varanda e fundos da residência. Ainda não há informações sobre autoria e motivação do crime.




quarta-feira, 2 de junho de 2021

Caminhão com mais de duas toneladas de maconha que saía de Ponta Porã com destino a São Paulo foi apreendido pelo DOF




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na manhã de hoje, um caminhão Mercedes-Benz 1113 de cor azul carregado com grande quantia de fardos prensados de maconha, com peso total de 2.372 quilos.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um bloqueio policial para fiscalização na rodovia MS-164, no município de Ponta Porã.

Os militares deram a ordem de parada ao condutor do caminhão, um homem de 38 anos de idade. Ao ser solicitado para que abrisse o compartimento de carga do veículo, o homem tentou fugir a pé, mas foi detido.

Questionado sobre a tentativa de fuga respondeu que foi contratado para pegar o caminhão em um posto de combustível, em Ponta Porã, para levá-lo até o Estado de São Paulo, não sabendo informar a cidade com o destino da carga de fécula de mandioca e maconha.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia da Polícia Federal em Ponta Porã, onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.




O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

SeComSoc
DOF/Sejusp

terça-feira, 1 de junho de 2021

Senador Nelsinho Trad consegue a liberação de R$ 2,5 milhões para manter atividades do Moinho Cultural

Projeto atende atualmente 400 crianças em Corumbá




O senador Nelsinho Trad (PSD-MS) destravou nesta terça-feira a liberação de R$ 2,5 milhões de recursos da Lei Roaunet para o Instituto Moinho Cultural Sul-Americano, de Corumbá, que vem enfrentando dificuldades financeiras e atende hoje 400 crianças com aulas de dança, música, tecnologia e literatura.

“Sem esse dinheiro para custear as atividades, o projeto seria suspenso neste mês”, informou a diretora-executiva do instituto Márcia Rolon.

Após tomar conhecimento sobre o problema, o parlamentar solicitou informações ao titular da Secretaria Especial de Cultura Mário Frias. “O secretário explicou que os recursos para manter a iniciativa, R$ 2,5 milhões destinados pela Vale do Rio Doce e pela empresa de segurança Brinks, já estão disponíveis desde o começo do ano, mas com a suspensão das atividades da Comissão Nacional de Incentivo à Cultura, ficou pendente de aprovação”, comentou o senador.

O secretário Mário frias e o secretário nacional de Fomento e incentivo à Cultura, André Porciúncula Alay Esteves, responsável pela análise e aprovação dos projetos que podem captar recursos por meio do incentivo fiscal federal, buscaram solução imediata. No fim desta terça, o senador foi comunicado de que a autorização já foi assinada e a publicação deve sair até sexta-feira.

“Esse projeto já atendeu 23 mil crianças e adolescentes brasileiros e bolivianos em 16 anos de história. Sempre auditado, nunca teve uma irregularidade e nós não poderíamos permitir que atividades tão importantes para Corumbá e região fossem suspensas”, destacou o senador.

A fundadora e diretora-executiva do Instituto Moinho Cultural Sul-Americano comemorou a conquista. “Agradeço ao senador Nelsinho Trad. Se esse recurso não saísse, a gente ia parar. Nós temos 50 colaboradores, mais os impactos nessas crianças todas, seria enorme prejuízo para região”, disse Márcia Rolon.

Neiba Ota