sexta-feira, 28 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad garante o asfalto para Sidrolândia




O senador Nelsinho Trad fechou a semana com a certeza de que os R$ 13,1 milhões de financiamento da Caixa Econômica Federal, do Programa Avançar Cidades, serão liberados para a Prefeitura de Sidrolândia. O contrato aprovado foi assinado em setembro do ano passado, porém os recursos ainda não tinham sido autorizados pelo Tesouro Nacional do Ministério da Economia. “Agradeço ao Tesouro Nacional que nos orientou e conseguimos finalizar nesta sexta a aprovação do financiamento para obras de pavimentação e drenagem de 80 m2 em Sidrolândia”, informou o senador Nelsinho Trad.




Com esse empreendimento, 20 ruas de Sidrolândia serão asfaltadas. De acordo com a Prefeitura de Sidrolândia, 9,1 km de pavimentação e 10,1km de drenagem serão executados em breve. O município, segundo assessoria técnica, já se prepara para fazer a licitação das obras. “Sem a intervenção do senador Nelsinho Trad, não teríamos esse resultado. Se o Tesouro Nacional não autorizasse, a Caixa não pagaria a medição das obras”, comentou o secretário Luiz Carlos Alves.

Em menos de 48 horas, a parte técnica da Prefeitura de Sidrolândia atendeu às orientações do Tesouro Nacional, segundo a contadora Edilene Rodrigues Cruz que estava à frente do processo com a equipe contábil. A contadora relata que trabalharam em parceria com o Departamento de Planejamento do município,  com apoio da servidora Ivanir Rosane Areco que atuou nesse contrato em 2020.

Serão pavimentadas:
A via Shoyshi Arakaki (da Rua Tiradentes até o final do Jardim Paraíso), Rua General Pinho (entre as ruas Tiradentes e Dr. Costa Marques no Jardim Paraíso), Rua Dr. Costa Marques (entre as ruas General Pinho e João Maria Barbosa Nantes no Jardim Paraíso), Rua Dr. Manoel Murtinho (entre as ruas Thomaz da Silva França e Thomás Cáceres no Jardim Pindorama), Rua Dr. Costa Marques (entre as ruas Prudente de Moraes e Thomás Cáceres no Jardim Pindorama), Rua Diogo Cunha (entre as ruas Diogo F. Stefanello e Targino de Souza Barbosa no Bairro Cascatinha).

Também serão asfaltadas as ruas Adriano Ximenes (Jardim Petrópolis), Ponta Porã (entre as ruas Rio Grande do Norte e Romano Rossato na Vila Santa Marta), Romano Rossato (entre as ruas Vitor Barbosa Souza e Joaquim Antônio da Silva no Jardim do Sul), Rua Rio de Janeiro (entre as ruas Vitor Barbosa Souza e Joaquim Antônio da Silva no Jardim do Sul), Rua Sebastião Lopes Ferreira (entre as ruas Romano Rossato e Rio de Janeiro no Jardim do Sul), Rua Vitor Barbosa de Souza (entre as ruas Rio Grande do Norte e Romano Rossato no Jardim do Sul), Rua Alberto Hortenci (entre as ruas Romano Rossato e Leonel de Souza Brito no Jardim do Sul), Rua Odilon Rosa Nantes (entre as ruas Romano Rossato e Rio de Janeiro no Jardim do Sul), Rua Italo Dal Paz (entre as ruas Odilon Rosa Nantes e Liberalina Ferreira no Jardim do Sul) e a Rua Joaquim Antônio da Silva (entre as ruas Romano Rossato e Rio de Janeiro no Jardim do Sul).

As obras também vão atender as ruas: Antônio Ferreira da Silva, Nélio Saraiva Paim, Antônio Correa Hortenci, Martins Fradick (entre a Cuiabá e a Ponta Porã no Bairro Cascatinha), Cuiabá (entre a Diogo Cunha e a Antônio Ferreira da Silva no Bairro Cascatinha), Aurélio de Brito, Antônio Ferreira Almeida, Adelina Ferreira Barbosa, João Marcio Ferreira Terra (entre a Nélio Saraiva Paim e a Diogo Cunha no Bairro Cascatinha) e Nélio Saraiva Paim (entre a Presidente Vargas e a João Márcio Ferreira Terra no Bairro Cascatinha).




Neiba Ota 

Senador Nelsinho Trad recebe nota técnica do Ministério da Saúde que prevê vacina para todos os trabalhadores da Educação




O senador Nelsinho Trad recebeu, nesta sexta-feira, a nota técnica do Ministério da Saúde que define ordem de imunização de trabalhadores da Educação e libera a vacinação de não prioritários.

Com esse documento emitido, profissionais de creches e pré-escolas deverão ser primeiros da fila e todos os que trabalham na Educação serão vacinados. “Em janeiro deste ano, o vereador professor Riverton (DEM) me procurou e apresentamos o pedido ao Ministério da Saúde e, hoje, os técnicos que nos atenderam me comunicaram sobre a nota técnica publicada”, comentou o senador.

De acordo com o senador Nelsinho Trad, no documento, estão previstos professores de creches e pré-escolas em primeiro lugar, depois do Ensino Fundamental, Médio e, por último, o Superior. “Serão contemplados os porteiros, as faxineiras, os administrativos, todos que trabalham na Educação entre 18 e 59 anos”, explicou o senador Nelsinho Trad.

Em Campo Grande, conforme informações do vereador professor Riverton, os educadores de rede pública e particular já foram imunizados. “Mas, a partir desta atualização no Programa Nacional de Imunização, fica valendo para todos os municípios e trabalhadores. É uma conquista geral, considerando que a escola traz elevado risco de exposição e contaminação do vírus”, justificou.

Neiba Ota 

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Comandante Geral da PMMS recebe visita de Suboficial da FAB que foi seu instrutor quando era Soldado




O Comando Geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul recebeu na tarde de hoje (27/05), a visita do Suboficial RR da Força Aérea Carlos Alberto de Carvalho.

O militar nasceu em 17/01/1940 em Maceió/Al e ingressou nas fileiras da Força Aérea Brasileira - FAB em 15/01/1958, formado em Educação Física, foi designado a ser instrutor dos novos recrutas da Aeronáutica.

Na turma de 1993, já como instrutor, ministrou a matéria ao Soldado da FAB Marcos Paulo Gimenez, hoje atual Comandante-Geral da Polícia Militar do Mato Grosso do Sul.

A visita institucional serviu para relembrar feitos da época de caserna e dos velhos amigos que ali conquistaram. O Suboficial após a visita conheceu a instalações do Comando Geral e deu o seguinte depoimento “Foi uma emoção para mim, como visitante, estar aqui, ser recebido pelo meu antigo Soldado e atual Comandante-Geral da PMMS”.

quarta-feira, 26 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad libera R$ 357 mil para Dourados e mais de R$ 1 milhão para Três Lagoas




O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) conquistou do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR), nesta semana, a liberação de quase R$ 1,3 milhão para obras de saneamento básico em Dourados e Três Lagoas e compra de equipamentos para recuperação e manutenção de vias rural e urbana em Três Lagoas.

A segunda maior cidade do estado, Dourados, recebeu R$ 357.841,37 para ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário com implantação de ligações da rede coletora. Para esse projeto, o senador Nelsinho Trad já conseguiu R$ 8 milhões desde o início do seu mandato. “Essas obras estão quase 80% delas prontas, investimento em saneamento representa economia na saúde pública”, enfatizou o senador Nelsinho Trad.

Outro município atendido pelo MDR foi Três Lagoas, com a liberação, primeiro, de R$ 28,3 mil para obras de esgotamento sanitário, que já recebeu R$ 6 milhões de investimentos nesse projeto nos últimos dois anos.

A Prefeitura de Três Lagoas foi ainda contemplada pelo MDR com recursos da Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (Sudeco) no valor de R$ 1 milhão para aquisição de equipamentos para recuperação e manutenção de vias rural e urbana na cidade. “Essa é uma grande conquista para Três Lagoas, precisamos recapear nossas ruas e dar acesso nas estradas vicinais”, comentou o prefeito Ângelo Guerreiro.

Neiba Ota 

S10 roubada no Paraná foi recuperada pelo DOF carregada com mais de uma tonelada de maconha na MS-270




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) recuperaram, na manhã desta quarta-feira, uma camionete S10 de cor branca carregada com 1.400 quilos de maconha, distribuídos em vários fardos prensados.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um patrulhamento ostensivo pela rodovia MS-270, na região do Distrito de Itahum.

Os militares deram a ordem de parada ao condutor da S10, que seguia no sentido Ponta Porã/Dourados. O homem desobedeceu e continuou em alta velocidade, até o Distrito de Itahum, onde abandonou o veículo e fugiu, não sendo localizado. O passageiro foi preso e disse que foram contratados para pegar a droga em Ponta Porã e entregar em Dourados.

Durante a checagem da numeração do chassi e motor constatou-se que as placas afixadas eram falsas, sendo as placas originais de Belo Horizonte (MG), além de um registro de Roubo ocorrido no dia 14 de dezembro de 2020, na cidade de Cascavel (PR).

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), em Dourados, onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.




O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.
 
SeComSoc
DOF/Sejusp

Mais de 10 toneladas de maconha foram apreendidas pelo DOF em Dourados MS




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na noite de ontem, 501 fardos prensados de maconha, com peso total de 10.090 quilos, que estavam no pátio de uma areeira que fica no Residencial Bonanza, saída para Ponta Porã.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um deslocamento da equipe policial pela rodovia BR-463, no sentido Dourados/Ponta Porã.

Os militares perceberam o momento em que dois homens ambos com 19 anos de idade, que estavam no estabelecimento comercial, correram ao perceberem a presença policial. Diante da atitude suspeita, os dois foram alcançados e detidos. Eles disseram que foram contratados, pelo dono do local, para carregarem drogas em veículos.

No pátio da areeira estavam um veículo Fiat Uno com placas de Mundo Novo (MS) e os 501 fardos prensados do entorpecente. Um terceiro homem (40) foi preso. O caminhão baú do DOF esteve no local para transportar a droga até Dourados.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), em Dourados, onde os três homens permanecem à disposição da Polícia Judiciária.




O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.
 
SeComSoc
DOF/Sejusp

terça-feira, 25 de maio de 2021

Caminhão com mais de 6 toneladas de maconha foi apreendido pelo DOF entre Iguatemi e Itaquiraí




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na madrugada desta terça-feira, um caminhão Ford Cargo de cor branca e placas de Engenheiro Beltrão (PR) carregado com grande quantidade de fardos prensados de maconha, com peso total de 6.600 quilos.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um patrulhamento ostensivo em uma estrada vicinal no município de Iguatemi.




Os militares deram ordem de parada ao condutor do caminhão, que seguia no sentido Iguatemi/Itaquiraí. Em dado momento o homem abandonou o caminhão e fugiu para a mata, às margens da estrada, não sendo localizado. O entorpecente estava na carroceria do veículo coberto apenas por uma lona preta.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), em Dourados.




O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

SeComSoc
DOF/Sejusp

segunda-feira, 24 de maio de 2021

DOF prende traficante com mais de meia tonelada de maconha que seguia para Franca SP




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) prenderam, na tarde de sábado, um homem de 42 anos de idade que conduzia um veículo GM Astra branco carregado com 501 quilos de maconha.

A ação ocorreu durante um deslocamento ostensivo pela rodovia BR-163, entre Dourados e Caarapó.

Os militares abordaram o condutor do Astra, que estava com o veículo estacionado às margens da rodovia. O homem disse que transportava maconha, o que foi constatado durante a vistoria. Disse, ainda, que foi contratado para pegar o veículo já com a droga em Amambai e que teria como destino final a cidade de Franca, (SP).

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

SeComSoc
DOF/Sejusp

sexta-feira, 21 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad consegue instalação de agência da Caixa em Costa Rica

Unidade será construída dentro do programa de expansão do banco




O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) marcou ontem à noite um gol para o município de Costa Rica. Enquanto o time vencia o Comercial, o parlamentar sul-mato-grossense recebia do presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, a confirmação de que Costa Rica será contemplada com uma agência bancária.

Com 21 mil habitantes, Costa Rica conta hoje com três bancos no município. Atualmente, uma agência de instituição particular está sendo construída e, agora, vem a previsão dessa nova agência pública dentro do programa de expansão da Caixa.

De acordo com a assessoria da Caixa, outras seis agências serão instaladas em Mato Grosso do Sul, especializadas no agronegócio. Os municípios contemplados serão Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Naviraí, São Gabriel do Oeste e Chapadão do Sul.

Na quarta-feira, o senador Nelsinho Trad anunciou ao prefeito de Costa Rica, Delegado Cléverson, sobre a liberação de R$ 1,8 milhão para obras de esgotamento sanitário. Na ocasião, o prefeito reforçou que aguarda pela agência da Caixa que seria “um verdadeiro presente do senador Nelsinho Trad para Costa Rica”.

O senador divulgou a boa notícia já na noite seguinte. O prefeito mal tinha terminado de assistir à partida de futebol entre Costa Rica e Comercial e fez um vídeo de agradecimento. “Quando eu estive em Brasília, o senhor fez muito mais do que simplesmente ligar para o presidente da Caixa, o senhor agendou e foi conosco reivindicar a agência em Costa Rica. Quero deixar os meus agradecimentos”, gravou o prefeito.

O senador Nelsinho Trad respondeu com muito entusiasmo. “Parabéns, Costa Rica! Bora marcar juntos mais gols!”

Neiba Ota 

quarta-feira, 19 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad conquista mais R$ 1,8 milhão para Costa Rica

Recursos federais serão investidos em obras de saneamento básico; prefeitura fará aditivo e município terá 100% de esgotamento sanitário



O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) conseguiu a liberação de mais R$ 1,8 milhão de recursos federais da Fundação Nacional da Saúde (Funasa) para obras de saneamento básico para o município de Costa Rica. Nesses últimos dois anos e 4 meses, Costa Rica já recebeu quase R$ 10 milhões da União pelo empenho do senador Nelsinho Trad.

Em obras de ampliação do esgotamento sanitário, o município conquistou R$ 5,5 milhões. Os outros R$ 4 milhões foram liberados para saúde, educação, turismo e infraestrutura.

Mais de R$ 1,4 milhão para obras do Parque Ecológico em Costa Rica. Creches e escolas receberam R$ 420 mil do Fundo Nacional de Desenvolvimento à Educação (FNDE) e o Ministério da Saúde liberou R$ 300 mil para o combate à covid.

Já o Ministério de Desenvolvimento Regional, pela Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (Sudeco), liberou R$ 1,9 milhão para obras de asfalto na região no Bairro Jatobá, que estão praticamente concluídas.




O prefeito de Costa Rica, Delegado Cléverson (PP), ficou satisfeito com a última liberação e informou que a prefeitura fará um aditivo para obter 100% de cobertura do esgotamento sanitário no município. “Estamos finalizando essa obra, uma das medições, faltava o pagamento dessa medição. Agora veio o recurso para a conclusão, estamos muito satisfeitos. Sem dúvida, há muito empenho do senador Nelsinho Trad em nos ajudar. Não é a primeira vez que trabalha por Costa Rica, quero deixar aqui o meu agradecimento”, disse o prefeito.

De acordo com o prefeito, Delegado Cléverson, a população de Costa Rica aguarda por outra conquista solicitada pelo senador Nelsinho Trad à Caixa Econômica Federal. “O senador conhece as nossas demandas e uma delas é uma agência da Caixa, já fez a solicitação e estamos no aguardo. Esse será mais um presente do senador Nelsinho Trad para Costa Rica”, enfatizou o prefeito.

Reportagem: Neiba Ota 
Fotos: Luís Carlos Campos Sales

terça-feira, 18 de maio de 2021

Ação de Fábio Trad é destacada em aprovação do projeto de lei que transforma feminicídio em crime autônomo

Matéria foi viabilizada após o parlamentar protocolar emenda aditiva e apensado a um projeto da bancada feminina, votado e aprovado em sessão plenária

A luta contra a violência de gênero no Brasil celebrou mais uma importante vitória na Câmara dos Deputados. A proposta do deputado Fábio Trad (PSD/MS), de tornar o feminicídio crime autônomo, foi, enfim, aprovada após solicitação de inclusão, por meio de apensado e emenda aditiva, à deputada Policial Katia Sastre (PL/SP).

A parlamentar e relatora acolheu e incorporou a tese ao Projeto de Lei 1568/19, da deputada Rose Modesto (PSDB/MS), que aumenta a pena mínima do crime de feminicídio e torna mais rígida a progressão de regime para presos condenados por esse crime.

Em seu voto, o deputado federal Antônio Brito (PSD/BA) fez questão de citar o papel de destaque de Trad no combate à violência de gênero. 
“Temos de destacar o trabalho do deputado Fábio Trad, que cooperou com projetos apensados a este aprovado hoje”, disse o correligionário a Trad, que é autor e relator de outros projetos nessa área e integra a Comissão dos Direitos da Mulher.

PL 4196/2020
Atualmente a legislação brasileira não separa os casos de feminicídio dos homicídios comuns. Isso faz com que o assassinato de mulheres motivado por ódio ao gênero passe despercebido das estatísticas criminais e da percepção geral da sociedade.

Por isso, em agosto de 2020, o deputado Fábio Trad apresentou o PL 4196/2020, que tira o feminicídio do rol de agravantes de homicídio para tornar-se um crime em si, um tipo penal independente.

“Com nossa prontidão na inclusão da emenda aditiva, o feminicídio ganhará mais visibilidade, o que contribuirá, inclusive, para o método de julgamento em perspectiva de gênero”, prenuncia Trad, que salienta a importância fundamental do juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Mato Grosso do Sul, Carlos Alberto Garcete, mentor intelectual da ideia e que apresentou a proposta ao parlamentar.

Daniel Machado

Lei criada pelo deputado Fábio Trad, fundamenta Ministério Público em investigação de “stalking” contra influencer no caso da apresentadora Lívia Andrade




O Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP) considerou graves as suspeitas contra a digital influencer Pétala Barreiros e pediu que a Polícia Civil de São Paulo a investigue pelo crime de stalking contra a apresentadora Lívia Andrade. A iniciativa é uma das primeiras baseadas na nova lei de stalking (PL1020/2019) de autoria do deputado federal Fábio Trad PSD/MS, que tipifica e pune a perseguição em diferentes meios, inclusive a internet.

A abertura do inquérito atende a um pedido da defesa da apresentadora, após Lívia receber xingamentos e ameaças de morte como consequência das manifestações de Pétala na internet. Desde o ano passado, quando a influencer terminou seu relacionamento com o empresário sertanejo Marcos Araújo, Pétala passou a expor diversas situações vividas pelo casal – ela já foi condenada por danos morais em relação ao ex.

Pétala apontou em uma série de posts a apresentadora Lívia Andrade, que fez carreira principalmente no SBT, como “pivô” de sua separação, afirmando que ela seria amante de Marcos. Lívia Andrade chegou a ser trending topics mundial no Twitter, com xingamentos e ameaças de morte.

“Diante da gravidade e relevância dos fatos noticiados, requisito a instauração de inquérito policial para apuração de eventual ocorrência do delito previsto no artigo 147-A do Código Penal, supostamente cometido por Pétala Gabriely Barreiros em desfavor de Lívia Regina Sorgia de Andrade”, diz o despacho da promotoria.

“Lívia Andrade foi vítima de uma série de ataques criminosos e as manifestações, principalmente em ambiente virtual, têm consequências. E o que se pede às autoridades é justamente a investigação para apurar as responsabilidades específicas. A internet não é um território para a impunidade, para o xingamento e para o incentivo ao ódio. Posturas como as que têm sido adotadas contra a Lívia, não são liberdade de expressão, mas sim crime”, afirmam os advogados da apresentadora, Ticiano Figueiredo e Pedro Ivo Velloso.

Saiba mais sobre a lei que criminaliza o “stalking”:

Operação Araceli – Polícia Militar atua em conjunto com Ministério Público e Polícia Civil no cumprimento de mandados de prisão por crimes contra crianças e adolescentes




Deflagrada na manhã desta terça-feira (18.05), a Operação “Araceli”, força-tarefa que envolve a Polícia Militar, o Ministério Público e a Polícia Civil do Estado de Mato Grosso do Sul.

A operação teve por objetivo o cumprimento de 27 mandados de prisão e de busca e apreensão, expedidos pela 7ª Vara Criminal de Campo Grande, em desfavor de condenados por crimes praticados contra crianças e adolescentes, a maioria por abuso e exploração sexual.

A Operação “Araceli” integra as ações do “Maio Laranja”, mês de combate à exploração e ao abuso sexual de crianças e adolescentes. Nesta terça-feira, 27 equipes da Polícia Militar, do Ministério Público Estadual, das Delegacias de Polícia ligadas ao Departamento de Polícia da Capital (DPC), do Departamento de Polícia Especializada (DPE), e estiveram a campo dando cumprimento aos mandados de prisão e de busca e apreensão, em diversos bairros de Campo Grande.

Com essa força-tarefa foi possível realizar a prisão de 20 condenados, e durante a semana mais 10 pessoas também foram presas.




O Comandante-Geral da PM, Coronel PM Marcos Paulo Gimenez, informou que foram cumpridos 20 dos 27 mandados de prisão. “Nossas equipes, com mais de 80 policiais, foram às ruas há uma semana para realizar os levantamentos que resultaram nesta força-tarefa e neste período deram cumprimento a outros 10 mandados de prisão expedidos em desfavor dos sentenciados”, frisou.




O Promotor Marcos Alex Vera de Oliveira, ressaltou que o foco da força-tarefa é tirar de circulação pessoas que cometem crimes contra crianças e adolescentes. Segundo ele, nos anos de 2019 e 2020, foram distribuídos 1.667 novos inquéritos policiais, dos quais 78% são voltados para a apuração de crimes contra a dignidade pessoal praticados contra crianças e adolescentes, como os crimes de estupro e importunação sexual.




Presente na coletiva, a Delegada-Geral Adjunta da Polícia Civil, Rozeman Geize Rodrigues de Paula, destacou a importância da integração entre as polícias e o MP. “Os crimes contra crianças e adolescentes tem muitas particularidades e essa integração, além de tirar os agressores de circulação, impede a prática reiterada, bem como o aumento desse tipo de crime”, pontuou.




Conforme a delegada Marília de Brito Martins, titular da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), na ação de hoje, além dos mandados de prisão, foram cumpridos mandados de busca e apreensão nos endereços de cada um dos condenados. “Os mandados de busca não foram para buscar provas, mas sim para adentrar a esses imóveis para prender os condenados”, lembrou.




A entrevista coletiva contou também com a presença do diretor do Departamento de Polícia Especializada (DPE) da Polícia Civil, delegado Fabiano Nagata.

Batizada de Operação “Araceli”, a ação lembra o caso da menina brasileira Araceli Cabrera Sánchez Crespo, assassinada em 18 de maio de 1973, aos 8 anos de idade, na cidade de Serra, no Espírito Santo. O corpo da criança foi encontrado somente seis dias após o crime, desfigurado por ácido e com marcas de violência e abuso sexual. Os acusados pelo crime foram absolvidos e o processo arquivado pela Justiça, fato que instituiu o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Por: Aline

A pedido de vereadores de Campo Grande, senador Nelsinho Trad solicita inclusão de frentistas nos grupos prioritários para vacinação contra COVID-19




O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) vai pedir ao Senado Federal para encaminhar ao Ministério de Saúde a solicitação de inclusão dos frentistas de posto de combustível nos grupos prioritários para vacinação contra a covid-19. Nesta tarde, representantes do  Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes MS (Sinpetro), por intermédio dos vereadores de Campo Grande, presidente da Câmara Municipal Carlão (PSB), William Maksoud (PTB) e Silvio Pitu (Dem), apresentaram a situação de risco dos 10 mil frentistas de Mato Grosso do Sul de 560 estabelecimentos no Estado, sendo 5 mil em Campo Grande, nesta pandemia.




Os frentistas, segundo o levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), estão na lista dos trabalhadores formais que mais morreram da covid-19 neste ano. Tiveram salto de 68% na comparação das mortes entre janeiro e fevereiro de 2020, pré-pandemia, e dois dos piores meses da crise sanitária, no início deste ano. “São pessoas que estão na linha de frente, um posto com pequeno movimento recebe de 500 a mil carros por dia; 50 da massa laborativa de frentistas já foram contaminados no Estado”, comentou o senador Nelsinho Trad.




Neiba Ota 

segunda-feira, 17 de maio de 2021

Comandante Geral da PMMS recebe membros do Conselho de Segurança da Capital




Na tarde dessa segunda-feira (17.05), o Comando Geral da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul recebeu os membros do Conselho Institucional de Segurança de Campo Grande (COISEC).

Objetivando a solução de problemas relacionados a segurança, este Conselho foi criado com o intuito de facilitar o diálogo entre as principais instituições que atuam no sistema de Segurança Pública da capital.
A visita de apresentação do COISEC ao Comando da PMMS, teve como objetivo discutir quais necessidades, orientações e colaboração os membros integrados podem proporcionar à Instituição, conhecendo melhor a política de direção adotada.

Participaram do encontro o presidente do COISEC, Tenente-Coronel PM Claudemir de Melo Domingos Braz,  o Comandante do Batalhão de Polícia Militar de Trânsito, Tenente-Coronel PM Wellington Klimpel do Nascimento, o  Comandante do Policiamento Metropolitano, Coronel PM André Henrique de Deus Macedo, os Promotores de Justiça Ricardo de Melo Alves e Lívia Carla Bariani, o Subcomandante-Geral da PMMS, Coronel PM Renato dos Anjos Garnes, o Comandante-Geral da PMMS, Coronel PM Marcos Paulo Gimenez, e demais autoridades.
Por: trigotti@sejusp

Senador Nelsinho Trad busca recursos para MS no Consórcio Brasil Central

Parlamentar vê como alternativa para conclusão do Terminal Intermodal de Cargas em Campo Grande e à Rota Bioceânica




Com cortes no orçamento da União já anunciados pelo governo federal, o senador Nelsinho Trad (PSD/MS) busca alternativas de recursos para Mato Grosso do Sul. Nesta segunda-feira (17), o coordenador da bancada federal buscou informações sobre o  Consórcio Brasil Central que possibilita investimentos para os sete Estados, incluindo o Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia e Tocantins.

Após receber explicações do secretário-executivo do consórcio e do vice-governador do DF, Paco Britto, sobre o acordo de cooperação com o Banco de Brasília para liberação de uma linha de crédito de R$ 1 bilhão com juros reduzidos aos Estados participantes, o senador Nelsinho Trad  aceitou o convite para integrar à Frente Parlamentar de Apoio ao Consórcio Brasil Central. “Apresentando projetos relevantes com aprovação do conselho, pode-se captar recursos para fazer esses investimentos. Logo, pensei no Terminal Intermodal de Cargas de Campo Grande e na conclusão dos acessos para rota bioceânica, da ponte que liga Porto Murtinho a Carmelo Peralta, caso os recursos do orçamento sejam reduzidos”, comentou o senador Nelsinho Trad.

O próximo passo do senador Nelsinho Trad é reunir a bancada federal de Mato Grosso do Sul, para apresentar a linha de crédito aos prefeitos que deverão elaborar projetos. “Lá no meu estado, tem sete consórcios municipais. Se atendermos a eles com metade das emendas de bancada, estamos atendendo, na prática, 90% das cidades de Mato Grosso do Sul. E já definimos entre nós (bancada) que vamos priorizar os consórcios no próximo orçamento”, esclareceu. 
De acordo com os cadastros, só dois municípios de MS (Amambai e Ponta Porã) estão incluídos no Consórcio Brasil Central. “Tem que mostrar aos deputados, aos senadores que tem isso. Ninguém sabe. Nós acabamos de colocar R$ 190 milhões para o Tocantins. Estamos precisando aqui é de projeto. Tendo, o BRB está dentro”, explicou o secretário executivo do consórcio.




Rota Bioceânica
O senador também destacou sobre a Rota Bioceânica, que vai ligar o Oceano Atlântico aos portos de Antofagasta e Iquique, no Chile, passando por Paraguai e Argentina. O projeto deve encurtar a distância e o tempo para as exportações e importações brasileiras. “Desse porto do Chile ao continente asiático você economiza 8 mil quilômetros pelo oceano, 14 dias de viagem. Barateia o frete em 40%”, explicou Nelsinho Trad.

Em fase de implantação, a Rota Bioceânica contará com uma ponte entre Porto Murtinho e a cidade paraguaia de Carmelo Peralta, construída com recursos da Itaipu ao custo de US$ 75 milhões que poderá necessitar de mais recursos.  O secretário de Projetos Especiais do GDF, Roberto Andrade, que também participou da reunião, se colocou à disposição para a obtenção de mais financiamento para a obra. 
Além do desenvolvimento econômico dos estados, o secretário-executivo do BrC chamou a atenção à atuação do consórcio no enfrentamento à pandemia. Paco Britto citou a compra compartilhada de medicamentos de alto custo e de equipamentos de proteção individual (EPIs) no ano passado. 
Foram adquiridos, de forma compartilhada, 63 itens no valor de R$ 130 milhões. Uma economia média de 30%. “Teve medicamento que foi comprado 83% mais barato,” comentou o secretário-executivo e vice-governador do DF.

Frente Parlamentar
Criado em 2015, o consórcio é a primeira autarquia formada por estados para estimular o progresso individual e regional das unidades da Federação participantes. A bancada do BrC reúne, atualmente, 21 senadores e 75 deputados federais. O objetivo é manter uma atuação no Congresso Nacional na defesa dos interesses das sete unidades da Federação consorciadas. Ao dizer que pretende integrar o grupo, o senador reforçou: “A união otimiza os resultados”.

Reportagem: Neiba Ota 
Fotos: Luís Carlos Campos Sales

domingo, 16 de maio de 2021

Palio carregado com mais de 130 kg de maconha que iria para São João da Boa Vista/SP foi apreendido pela Polícia Militar de Ponta Porã




Na madrugada deste domingo (16/5) uma Equipe Policial Militar de Ponta Porã, integrante da Operação Hórus/4º BPM, do Ministério da Justiça, apreendeu um veículo lotado de drogas.

Os Policiais Militares realizavam abordagens na rodovia estadual MS-164, quando por volta das 4h da manhã, foi emanada ordem de parada com lanterna e sinais luminosos a um veículo que trafegava pela rodovia sentido à rotatória do “copo sujo”, o condutor do veículo desobedeceu a determinação policial.

Foi realizado acompanhamento tático, sendo que ao passar pelo assentamento Itamarati, o veículo tomou distância considerável, sendo que próximo ao Rio Dourados, o condutor abandonou o carro no matagal as margens da rodovia e tomou rumo ignorado adentrando a mata densa, não sendo possível localizá-lo devida a escuridão.

No interior do veículo, um Fiat/Pálio, com placas de São João da Boa Vista/SP, foi encontrado 07 (sete) fardos de maconha, pesando 130,600 Kg (cento e trinta quilos e seiscentas gramas) e 06 (seis) pacotes de Skank, pesando 3,100 Kg (três quilos e cem gramas). A droga e o veículo foram encaminhados ao 1º Distrito de Polícia Civil em Ponta Porã para as providências cabíveis.
Por: Cristian David Colman Lima

Policiais do 4º Batalhão capturam homem com mandado de prisão, maconha e uma menor de 16 anos com lesões corporais




Uma Equipe Policial Militar de Ponta Porã realizava patrulhamento ostensivo preventivo na região sul da cidade, quando por volta das 01h40 deste domingo (16/5), os policiais avistaram o veículo Ford Fiesta, estacionado em local ermo em atitude suspeita na Rua João Brembatti Calvoso, no Jardim Vitoria.

Na abordagem foi identificado o condutor do veículo, um homem de 21 anos e estava em companhia de uma adolescente de 16 anos, foi encontrado uma quantia de maconha no console do veículo, o homem relatou que é usuário. Após checagem dos abordados foi constatado que o homem detinha um Mandado de Prisão em aberto, imediatamente o autor recebeu voz de prisão.

Os policiais militares notaram que a adolescente que estava com o autor no interior do veículo, estava muito nervosa, afirmando que agora estava aliviada, ela apresentava várias lesões pelo corpo, principalmente no braço direito, perna esquerda, lábios e pescoço. Ela disse que mantem relação amorosa com o autor desde 2019 (quando tinha 14 anos) e que na última sexta-feira (14/5), o autor teve uma crise de ciúmes e após discussão, iniciou uma série de agressões, lhe desferindo tapas na cara, chutes e com as mãos pressionou seu pescoço a sufocando. Ela disse que iria denunciar o autor, no entanto, o autor a ameaçou dizendo que a mataria se fizesse alguma denúncia.

A equipe policial deslocou até a residência da mãe da adolescente, a mesma relatou saber das agressões e que não registrou queixa por medo de represálias do autor. Diante dos fatos, a mãe e filha foram orientadas a formalizar a denúncia na Delegacia da Mulher, o autor foi encaminhado ao 1º Distrito Policial pelo mandado de prisão em aberto e pela violência praticada contra a adolescente e o veículo foi recolhido até o Detran por estar com licenciamento vencido.

Assessoria de Comunicação do 4º BPM
Por: Cristian David Colman Lima

sábado, 15 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad viabiliza R$ 229,8 milhões para Hidrovia do Paraguai

O parlamentar sul-mato-grossense recebeu a confirmação do ministro da Infraestrutura, que assinou os contratos de dois terminais privados em Cor​umbá e Porto Murtinho




Mato Grosso do Sul será contemplado com R$ 229,8 milhões em investimentos nos próximos anos pelo Ministério da Infraestrutura. O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) recebeu o comunicado do ministro Tarcísio Gomes de Freitas, que assinou ontem os contratos de arrendamento e autorização de exploração pela iniciativa privada para possibilitar o investimento de R$ 935,2 milhões em sete terminais portuários públicos e particulares em três regiões brasileiras. “Nós apresentamos o pedido da Hidrovia do Paraguai e fomos atendidos nesses contratos”, informou o senador Nelsinho Trad.

De acordo com o Governo Federal, em Mato Grosso do Sul, serão dois terminais privados: Paraíso, em Corumbá (R$ 128,8 milhões) e Porto Murtinho, na cidade de mesmo nome (R$ 101 milhões). Eles estão inseridos na área de influência da rota de escoamento de exportação de granéis sólidos (vegetal e mineral) pelo sistema logístico do rio Paraguai, integrando-se à BR-262 e à Ferrovia Rumo-Malha Oeste.

À espera de mais recursos, o senador Nelsinho Trad vem batalhando também pela liberação de mais R$ 265 milhões do Ministério da Infraestruturua para obras em MS que estão sendo executadas pelo Dnit. 
Entre elas, a manutenção, implantação e pavimentação das rodovias BRs 262, 267 e 419, importantes para Rota Bioceânica, o Anel Viário de Três Lagoas, a Travessia de Dourados e a obra do Macroanel Rodoviário de Campo Grande. “Vamos batalhar pela liberação desses recursos, valor extra (além dos recursos constantes no orçamento para 2021)”, explicou o senador Nelsinho Trad.

Reportagem: Neiba Ota
Fotos: Luís Carlos Campos Sales

sexta-feira, 14 de maio de 2021

GM Tracker roubado em São Paulo foi interceptado na fronteira 🇧🇷🇵🇾 pela Polícia Militar com apoio da Polícia Nacional




Na manhã desta sexta-feira (14/5), uma Equipe Policial Militar da Força Tática do 4º Batalhão realizava patrulhamento ostensivo preventivo na área central. Por volta das 10h30 o CIOPS informou à equipe policial que havia um veículo estacionado na linha internacional, em atitude suspeita.

Os Policiais Militares entraram em contato com uma equipe da Polícia Nacional do Paraguai para acompanhamento, e logo localizaram o veículo GM Tracker, de cor prata, após checagem foi constatado ocorrência de roubo e furto registrada na cidade de São Paulo/SP.

O veículo foi guinchado e encaminhado até a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Ponta Porã para as providencias cabíveis.

Assessoria de Comunicação do 4º BPM
Por: Cristian David Colman Lima

Contrabando que iria para Pauliceia/SP foi apreendida pela Polícia Militar de Sanga Puitã




Na manhã desta sexta-feira (14/5), uma Equipe Policial Militar do distrito de Sanga Puitã/4º BPM realizava patrulhamento ostensivo preventivo, quando por volta das 10h, a equipe policial visualizou um veículo em atitude suspeita.

A condutora do veículo em questão, um GM Celta, com placas de Pauliceia/SP, ao ver a viatura policial militar, realizou uma conversão brusca pela rua Mateus Ribeiro Dauzacker, sendo abordado na altura das ruas Urbano Dorneles com a Av. Dourados.

No interior do veículo foi verificado que continha produtos estrangeiros sem a devida documentação aduaneira, foram contabilizados 13 (treze) pacotes de cigarros; 111 (cento e onze) discos de corte; 01 (um) caixa de trena contendo; 03 (três) caixas de Serra de mão; 02 (duas) caixas de isqueiros; 01 (um) caixa de brocas e 116 (cento e dezesseis) registros de válvulas.

A autora receberia R$ 350,00 (trezentos e cinquenta reais) pelo frete, diante dos fatos foi configurado o crime de descaminho e as mercadorias foram apreendidas e encaminhadas à Receita Federal do Brasil em Ponta Porã para as devidas providencias.

Assessoria de Comunicação do 4º BPM
Por: Cristian David Colman Lima

quinta-feira, 13 de maio de 2021

Preocupação com o Pantanal pode levar a Federalização da Transpantaneira que liga Poconé (MT) à Corumbá (MS)

Projeto da MT-060 é apresentado por vereadores de MS e MT para senadores Nelsinho Trad, Wellington Fagundes e deputado federal Vander Loubet




Além dos pedidos de ações de proteção ao Pantanal – devido à falta de chuva que poderá acarretar em mais incêndios neste ano - os vereadores da região pantaneira de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso levaram para os senadores Nelsinho Trad (PSD/MS), Wellington Fagundes (PL/MT) e deputado federal Vander Loubet (PT/MS) o projeto de Federalização da Transpantaneira, rodovia estadual MT-060 que liga Poconé (MT) a Corumbá (MS).

O percurso de quase 400 km é ainda de estrada de terra e segundo o secretário de Turismo de MT, Manoel Pereira Leite (Dodo), atende 37 pousadas da região. “O trecho mato-grossense ainda não é de responsabilidade do governo federal e, atualmente, a estrada, em períodos de chuva, fica intransitável”, comentou o secretário de turismo.

Os vereadores da região pantaneira, vereador de Anastácio Ademir Alves Guilherme; de Ladário, Bruno Emanuel Fonseca da Cruz, de Corumbá, Chicão Vianna; de Porto Murtinho, Rodrigo Fróes Acosta, solicitaram o apoio do senador Nelsinho Trad para o encontro com os parlamentares municipais e federais de Mato Grosso do lado pantaneiro em Brasília.

Ontem, o grupo sul-mato-grossense se reuniu com o secretário de Turismo do Mato Grosso. No encontro, por intermédio do senador Nelsinho Trad, contaram com a participação do deputado federal de MS, Vander Loubet (PT), que integra da Comissão do Pantanal na Câmara dos Deputados, e do senador Wellington Fagundes que preside a Comissão Temporária do Pantanal no Senado Federal. “Falamos sobre a preocupação com a falta de chuva no Pantanal. Das 12 medidas estabelecidas no nosso relatório da comissão, duas já estão sendo cumpridas e precisamos das demais como a prevenção”, explicou o senador Nelsinho Trad.
 
Federalização da Transpantaneira

A reunião, segundo o deputado Vander Loubet, foi produtiva para retomar a discussão sobre a federalização da transpantaneira, estrada que liga Poconé (MT) à Corumbá (MS). “Os dois governos em épocas anteriores já sinalizaram o interesse e, agora, vamos buscar esse projeto, porque encurtar distâncias, favorecer o corredor bioceânico por Murtinho”, comentou o deputado Vander Loubet.

Atualmente, a estrada tem 127 pontos de cimentos e não é pavimentada. Foi criada em 1970, antes da divisão de Mato Grosso, as obras da Rodovia Transpantaneira já eram consideradas um grande sonho de desenvolvimento para os moradores da região, segundo informações do secretário de Turismo do MT. “O objetivo era interligar o sul e o norte do Pantanal, além de unir duas importantes cidades, Poconé e Corumbá, assegurando assim a integração de toda a região”, explicou.
 
A construção à beira do Rio Cuiabá, em Porto Jofre, não teve mais continuidade desde 1976. “Os vereadores nos pediram hoje para a retomada desse antigo sonho, vamos buscar o entendimento entre os dois governadores de MS e MT e com o governo federal”, comentou o senador Nelsinho Trad.




Reportagem: Neiba Ota 
Fotos: Luís Carlos Campos Sales

Carreta com mais de sete toneladas de maconha foi apreendida pelo DOF na região de Sidrolândia




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na tarde de ontem, um veículo Scania 124-420 de cor branca acoplado a um semirreboque vermelho carregado com arroz, tendo 240 fardos prensados de maconha escondidos na carga.

A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um patrulhamento ostensivo pela rodovia MS-162, na região de Sidrolândia.

Os militares abordaram o condutor da carreta, um homem de 30 anos de idade, que estava agitado e com informações imprecisas sobre seu trabalho na região. Durante a vistoria localizou-se o entorpecente que, após descarregado o arroz em uma cerealista na cidade de Itaporã, totalizaram 7.770 quilos de maconha, mais 14 quilos de skank.

A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron), em Dourados, onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.




O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

SeComSoc
DOF/Sejusp
Rogério Fernandes Lemes – MTB 1588/MS

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad presta contas para região pantaneira

Em dois anos, o parlamentar conquistou a liberação de quase R$ 5 milhões para Anastácio, Aquidauana, Miranda, Corumbá e Ladário




O senador Nelsinho Trad (PSD/MS) prestou contas nesta noite, em live com o vereador de Corumbá, Chicão Vianna (PSD) -transmitida via Facebook-, sobre as medidas de prevenção contra incêndios no Pantanal e apresentou o quadro de investimentos de quase R$ 5 milhões recursos federais para região de Anastácio, Aquidauana, Miranda, Corumbá e Ladário.

Segundo o senador Nelsinho Trad, foram liberados R$ 1,7 milhão do Ministério do Desensolvimento Regional, do Ministério da Cidadania e da Saúde para obras de asfalto, praça e postos de saúde em Anastácio. “Para Aquidauana, R$ 1,2 milhão da Saúde e do MDR para Saúde e Infraestrutura”, comentou.

Já para o município de Miranda, de acordo com o senador Nelsinho Trad, vieram R$ 570 mil também do Ministério da Saúde e do MDR. Corumbá foi contemplada nesses últimos dois anos com R$ 1,2 milhão de reais. “Todos esses recursos para saúde de Corumbá, para reforma do centro de saúde da Ladeira, unidade de DST Aids, o centro de atendimento à mulher e no combate à covid”.

Ladário também recebeu R$ 100 mil do Ministério da Saúde nesta pandemia e tem a previsão de R$ 18,2 milhões de valores empenhados para construção da orla fluvial e pavimentação da região. “É uma obra que vai atender Ladário e Corumbá”, enfatizou o senador.

Pantanal
O senador Nelsinho Trad explicou sobre o trabalho da Comissão Temporária do Pantanal no Senado Federal. No ano passado, ele concluiu e apresentou o relatório com medidas de prevenção e proteção à região pantaneira. “O foco principal da comissão era analisar o projeto de lei apresentado pelo senador Wellington Fagundes conhecido como “Estatuto do Pantanal’. Como relator recebi aprimoramentos substantivos nas audiências públicas da Comissão. Mas esse projeto por mérito de iniciativa ficou sob elaboração do presidente da comissão, senador Wellington Fagundes (PL-MT). De tal modo, a CTEPANTANAL voltou-se às recomendações técnicas e indicações, no intuito de concluir os trabalhos de modo efetivamente propositivo”, explicou.

No dia 10 de dezembro foi apresentado o PL 5482/2020 que “Disciplina a conservação e exploração sustentável do bioma Pantanal” de autoria do presidente daquela comissão, que tem como objetivo regulamentar o art. 225, § 4o da CF, que trata relativamente da preservação e uso de recursos naturais do Pantanal mato-grossense.

Diante das explicações, o vereador Chicão Vianna pediu ao senador Nelsinho Trad para recebê-lo amanhã em Brasília. “Eu e mais vereadores da região do Pantanal queremos tomar conhecimento sobre as ações da comissão e ter um diálogo com o senador do Mato Grosso Wellington Fagundes”, expôs o vereador.
O senador Nelsinho Trad reforçou mais uma vez que o seu gabinete está sempre de portas abertas e pronto para atender os municípios de Mato Grosso do Sul. “Vamos sim construir uma agenda produtiva, porque o Pantanal é Nosso”, destacou.

Neiba Ota 

Veículo que seguia com mais de 100 quilos de maconha para Marília SP foi apreendido pelo DOF




Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam, na manhã de ontem, um veículo VW Voyage carregado com 107 quilos de maconha.
 
A ação ocorreu em virtude da Operação Hórus, parceria da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública com o Ministério da Justiça e Segurança Pública, durante um deslocamento ostensivo pela rodovia BR-163, na região de Mundo Novo.
 
Os militares deram ordem de parada ao condutor que desobedeceu e fugiu, em alta velocidade, sendo abordado cerca de 5 Km depois. Durante a vistoria localizou-se os volumes prensados do entorpecente em um compartimento oculto no veículo.
 
O condutor, um homem de 55 anos de idade, disse que foi contratado para pegar o veículo em Mundo Novo e entregá-lo na cidade de Marília (SP).
 
A ocorrência foi registrada e entregue na Delegacia de Polícia Civil de Mundo Novo, onde o homem permaneceu à disposição da Polícia Judiciária.
 
O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e, a ligação, será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.
 
SeComSoc
DOF/Sejusp

sexta-feira, 7 de maio de 2021

DNIT precisa de mais R$ 265 milhões para obras em MS

Bancada federal de MS pede explicações sobre projetos das BRs e aquaviários em andamento e recebe o mapeamento da situação financeira para execução, que necessita desse valor extra (além dos recursos constantes no orçamento para 2021)




Após os vetos recentes do orçamento da União, o coordenador da bancada federal de Mato Grosso do Sul, senador Nelsinho Trad (PSD), e o deputado federal Beto Pereira (PSDB) foram nessa quinta-feira ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), para acompanhar o andamento dos projetos com obras prioritárias para Mato Grosso do Sul.

Entre elas: encontram-se a manutenção, a implantação e a pavimentação das rodovias BRs 262, 267 e 419, importantes para Rota Bioceânica, do Anel Viário de Três Lagoas, a Travessia de Dourados e a obra do Macroanel Rodoviário de Campo Grande.

O diretor-geral do DNIT, general Santos Filho, informou que essas obras necessitam de R$ 265 milhões no decorrer deste ano, conforme a previsão orçamentária e, ainda, não tem esses valores. Somente os recursos que já constam no orçamento de 2021. “Estamos fazendo um exercício de remanejamento para tocar as obras até agosto, para esperar se há uma suplementação”, explicou.

BR-419
O Dnit precisa de R$ 65 milhões para o andamento das obras do lote 1 na BR-419. Desse valor, R$ 25 milhões já estão garantidos no orçamento da União de 2021.
Segundo informações do Dnit, do lote 1 são 52 km de pavimentação e já foram executados 38 km.
 
Macroanel Campo Grande
A obra do Macro Anel de Campo Grande BR-262/060/163 MS, que teve início em 2010 (na época o senador Nelsinho Trad era o prefeito da Capital), está quase concluída e tem R$ 2,8 milhões de previsão orçamentária da União. “Resta apenas a rotatória do entroncamento com a BR163/MS; – Projeto aprovado pela CCR; – Pendente aprovação da ANTT; – Licitar no 2º semestre/2021. – Licitar pela ação de manutenção”, conforme explicação técnica do Dnit.
 
Contorno de Três Lagoas BR-158/262/MS
A implantação e pavimentação do Contorno Rodoviário de Três Lagoas teve bloqueio de R$ 16 milhões e a estimativa da obra é de R$ 149 milhões. A previsão seria começar a obra neste ano e concluir em 2023. “A situação é de implantação e pavimentação de 26,46 km de nova pista (pista simples + acostamento); - Construção de oito pontes e viadutos; - Objetivo de retirar todo o tráfego pesado da área urbana da cidade, principalmente os caminhões tri-trens que transportam toras de eucalipto para as indústrias de celulose da região. São projetos em execução”, explicação do Dnit.
Em reunião, os parlamentares avisaram que vão procurar a ajuda da Itaipu Binacional em apoio a esses projetos.
 
Travessia de Dourados BR-463
A obra tão aguardada em Dourados com eliminação de pontos críticos na travessia urbana está em fase de licitação. O Dnit tem R$ 15 milhões para execução e a estimativa é de R$ 42 milhões. “Implantação e Pavimentação de aproximadamente 5,5 km de nova pista (2 faixas de tráfego + acostamento); - Recuperação de aproximadamente 5,5 km de existente (2 faixas de tráfego + acostamento); - Implantação e Pavimentação de aproximadamente 2,5 km de pistas laterais para acessar com segurança a rodovia; - Implantação de 4 interseções/retornos em nível; - Construção de 2 viadutos e contenções em Terra Armada”.

Aquaviários
A diretora de Infraestrutura Aquaviária do Dnit, Karoline Lemos, apresentou o balanço do andamento de obras de dragagem, desobstrução e sinalização do Rio Paraguai. Segundo ela, a Lei Orçamentária Anual de 2021 já prevê recursos de 1,6 milhões de reais para os projetos de sinalização do Rio Paraguai. “A gente, no ano passado, finalizou a licitação e estamos trabalhando na dragagem que queremos iniciar em junho”.

A execução dos serviços de dragagem de manutenção, desobstrução de vegetação e sinalização no Rio Paraguai tem outros R$ 7,6 milhões e precisam ao todo de R$ 11,1 milhões. “– Em andamento os serviços de recuperação das embarcações a serem utilizadas na dragagem, previsão de conclusão em maio de 2021; – Pendente emissão da ABIO (IBAMA) para início da dragagem; – Início da dragagem previsto para junho de 2021 (a depender da autorização do IBAMA)”.

Rota Bioceânica
Em relação ao projeto da Rota Bioceânica, o diretor-geral do DNIT, General Santos Filho, informou que vai fazer restaurações e melhoramento nas rodovias 267 e 262. “Inclusive o projeto já está licitado e essas obras vão precisar de um aporte de R$ 100 milhões”, comentou.

Com essas informações em mãos, o senador Nelsinho Trad informou que vai procurar o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para buscar alternativas e conquistar os R$ 265 milhões para Mato Grosso do Sul. “O nosso Estado não poderá ficar com prejuízos”, enfatizou o senador.

Neiba Ota 

quinta-feira, 6 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad pede atenção do ministro da Saúde à falta de insumos para cirurgias do coração no SUS




A diretoria da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) fez um alerta ao senador Nelsinho Trad (PSD/MS) sobre a falta de insumos na área da saúde pública, como os oxigenadores e válvulas cardíacas, usados em cirurgias do coração no Sistema Único da Saúde.

O assunto foi levado pelo parlamentar sul-mato-grossense ao conhecimento do ministro Marcelo Queiroga, nesta quinta-feira, antes do início da sessão da CPI da Covid no Senado Federal. “O ministro se comprometeu em marcar audiência para discutir a questão”, comentou o senador Nelsinho Trad.

Os médicos cirurgiões, presidente da SBCCV, Eduardo Augusto Victor Rocha, o vice João Carlos Ferreira Leal, o diretor financeiro Bruno Botelho Pinheiro e o membro do conselho Wilson Luiz da Silva, saíram de seus estados de origem (São Paulo e Minas Gerais) e vieram à Brasília em busca de soluções. “A gente quer continuar atendendo o doente e salvando a vida deles”, disse Wilson Luiz da Silva.

Desde outubro, segundo a diretoria da sociedade, autoridades vêm sendo comunicadas sobre o problema que ocorre em várias localidades do Brasil e já afeta metade dos serviços de cirurgias cardíacas no sistema público de saúde. “A nossa preocupação é com o colapso e impacto à mortalidade dos pacientes que aguardam cirurgias do coração. A pandemia está aí e estão mascarando esse problema”, destacou o vice-presidente João Leal.

De acordo com os médicos, 85% dos serviços cardíacos no Brasil são feitos pelo SUS. O presidente Eduardo Rocha explicou que vem ocorrendo o desabastecimento da cirurgia cardíaca. Segundo ele, dois pontos foram relevantes para essa consequência.

A variação cambial do dólar nos últimos dez anos e o não reajuste dos descartáveis ao longo de 20 anos. Não queremos falar de mercado, somos médicos, queremos salvar vidas, desejamos de pacientes que estão morrendo na cirurgia cardiovascular por falta insumos na área da saúde pública, discutir o impacto quando não há a cirurgia, esclareceu, que já encaminhou ofício ao ministro Marcelo Queiroga.




O grupo retornou aos seus Estados com boas expectativas. “Não tínhamos agenda e nem pauta, se não fosse o senador Nelsinho Trad a nos acolher não teríamos essa interlocução com o ministro que foi muito importante para Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular e à toda população que depende do SUS”, disse o médico João Leal, cirurgião cardiovascular de São José do Rio Preto - SP.

Reportagem: Neiba Ota 
Fotos: Luís Carlos Campos Sales

quarta-feira, 5 de maio de 2021

Comandante Geral da PMMS é homenageado pela Federação do Sistema Combate Leve de Artes Marciais




Na tarde da última terça-feira, 04/05/2021, a Federação Sul-Matogrossense do Sistema Combate Leve de Artes Marciais Interestilos, com seu presidente Grão-Mestre José Sizandro Piccinin, os Mestres João Jacaré e Paulo Sérgio Duarte Sá, e os Faixas Preta Mary Varga e Marcelo Barcellos estiveram presentes no Comando Geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul onde entregaram ao Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul, Coronel Marcos Paulo Gimenez, o Certificado de Faixa Preta Honorário, pelos grandes serviços desempenhados em prol da sociedade.

Paranaíba e Inocência pedem pela regularização do Assentamento Serra

Senador Nelsinho Trad se reuniu com os prefeitos e vereadores dos dois municípios e informou que o projeto já foi encaminhado ao INCRA




A regularização de títulos fundiários do Assentamento Serra, na divisa entre Paranaíba e Inocência, se tornou prioridade para os dois municípios. Na semana passada, o senador Nelsinho Trad atendeu os prefeitos de Paranaíba, Maycol Queiroz, e de Inocência, Toninho da Cofapi e informou que já encaminhou o projeto ao Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária.

Em reunião, os prefeitos comunicaram que um engenheiro agrônomo vai prestar consultoria e trabalhar, simultaneamente, com os técnicos das duas prefeituras. “Só esse trabalho vai poder informar com exatidão qual o valor dessa regularização no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária. Quando estiver tudo certo, vai ser possível o Incra dar a titularidade da posse”, explicou o prefeito de Paranaíba.

A estimativa, por enquanto, é que esse processo custe R$ 15 mil reais por lote. Como são 130 lotes (40 em Inocência e 90 em Paranaíba), isso totalizaria R$ 1,9 milhão. Esse valor deverá ser repassado para a Prefeitura de Inocência, que será a mantenedora do projeto. Ela vai pagar as despesas do trabalho a campo, cartoriais, com levantamento ambiental e com o georreferenciamento, se necessário, caso o atual esteja defasado.

Além dos prefeitos, o vereador Ronan de Paranaíba, o ex-prefeito de Paranhos, Júlio de Souza, o assessor jurídico da prefeitura de Inocência, Paulo Mariano, o secretário de Agricultura de Paranaíba, Zé Carioca, Chefe  de Gabinete de Paranaíba,  Jane Paula, a secretária de Administração de Paranaíba, Adailda Lopes, o vice-prefeito de Inocência, Adair e o suplente de vereador de Inocência Hamilton, quem trouxe a demanda para o senador no ano passado, participaram dessa reunião.

Neiba Ota 

segunda-feira, 3 de maio de 2021

Deputado Fábio Trad apresenta relatório final da PEC da Segunda Instância durante audiência pública com juristas



O saldo da reunião foi positivo, uma vez que, dos 17 pontos do texto elaborado pelo parlamentar, apenas um - do direito intertemporal -  foi objeto de divergências.

Com argumentação consistente, citando jurisprudência de cortes superiores e importantes juristas brasileiros e internacionais, o deputado sustentou a tese da exceção à retroatividade da lei penal e pediu união aos colegas de comissão: "Se aprovada, a PEC trará mais efetividade à justiça penal, civil, previdenciária, trabalhista, eleitoral e empresarial. Precisamos nos unir, afastando esta ou aquela divergência, para que alterações sejam, topicamente, submetidas ao plenário e votadas nominalmente", disse.

Assessoria 

domingo, 2 de maio de 2021

Senador Nelsinho Trad comemora a soltura do ex-motorista de jogador na Rússia

Parlamentar sul-mato-grossense fez parte da missão especial a Moscou, no ano passado, e entregou pessoalmente a carta da Presidência da República do Brasil, com pedido de liberdade do brasileiro Robson, ao presidente da Rússia




O senador de Mato Grosso do Sul, Nelsinho Trad, comemorou neste domingo a soltura do motorista Robson Nascimento de Oliveira, ex-motorista dos familiares do volante Fernando que jogava no Spartak Moscou. Pela manhã, o parlamentar recebeu o comunicado do embaixador brasileiro, Tovar Nunes, na Rússia, de que o brasileiro já se encontrava solto, abrigado pela embaixada e deverá chegar ao Brasil na quinta-feira. “Fiquei muito feliz pelo êxito da missão que fiz parte em outubro do ano passado”, comentou.

Acompanhado da embaixadora Márcia Doner e do ministro Pedro Terra (diretor do Departamento da Rússia e Ásia Central), o senador Nelsinho Trad viajou do Brasil a Moscou e entregou pessoalmente a carta do presidente Brasileiro ao presidente da Rússia, pedindo a liberdade do brasileiro.

Robson foi preso em março de 2019 ao desembarcar na Rússia, portando um remédio proibido naquele país, o Mytedom 10mg (cloridrato de metadona). “Ele levava medicação a pedido do sogro do jogador. Após esse episódio, solicitei às companhias aéreas que façam a declaração dos produtos proibidos nos países de destino”, recordou o senador Nelsinho Trad.

Após dois anos e um mês, segundo o senador Nelsinho Trad, a Justiça foi feita para o motorista Robson. “Contamos muito com o embaixador Tovar e sua esposa embaixatriz Guadalupe que foram muito receptivos e nos deram todo o apoio em Moscou”, lembrou o senador Nelsinho.




Segundo o parlamentar sul-mato-grossense, que se envolveu no caso Robson por ser da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), declarou que fico muito grato em poder servir a nação e conseguir repatriar um brasileiro, “Agora, tenho a felicidade de ver a família de Robson aliviada”, disse.

Neiba Ota 

sábado, 1 de maio de 2021

Polícia Militar de Itamarati apreende 200 pacotes de cigarros contrabandeados




Na tarde de 30/4 uma Equipe Policial Militar de Itamarati/4º BPM realizava patrulhamento ostensivo preventivo, quando por volta das 18h10 os policiais militares abordaram um veículo VW Gol no perímetro urbano.

O veículo estava sendo conduzido por um homem de 28 anos e tinha como passageiro um homem de 25 anos, o carro foi vistoriado e constatado que havia no seu interior 200 (duzentos) pacotes de cigarro do Paraguai sendo que os mesmos disseram que revenderiam em Nova Alvorada do Sul/MS.

Diante dos fatos, a mercadoria contrabandeada foi apreendida e encaminhada até a Receita Federal do Brasil em Ponta Porã.