segunda-feira, 23 de novembro de 2020

Situação do Covid-19 será discutida entre os países do Parlasul

Senador Nelsinho Trad, presidente da Delegação do Brasil, informou que o grupo vem priorizando ações de combate em conjunto



A mesa diretora do Parlamento do Mercosul se reuniu online, nesta segunda, fez o balanço sobre as eleições municipais do Brasil e da Bolívia. “O grupo já agendou uma próxima reunião virtual para o dia 30 de novembro a fim de discutir sobre as ações de combate ao Covid-19 nos países do Mercosul”, comentou o senador Nelsinho Trad, presidente da representação brasileira do Congresso Nacional no Parlasul. 
 
Estabelecer medidas de biossegurança tem sido prioridade, segundo o senador Nelsinho Trad, para a diretoria do Parlasul. Os membros deverão ter uma última reunião do ano presencial no Uruguai e promover as eleições diretas para o Parlamento até dezembro, mas isso deverá ocorrer se houver condições com o mínimo de riscos de contágio do Covid-19. “Se houver a permissão das autoridades de vigilância sanitária em Montevidéu para entrada dos membros de outros países do Parlasul”, explicou o senador Nelsinho Trad.

No encontro desta segunda, conforme informações do senador Nelsinho Trad, os membros da mesa diretora aprovaram a realização do último Webinar sobre Corredores Bioceânicos. “Uma proposta feita pela Presidência que concluiria a série de atividades sobre o tema que tem tido grandes repercussões na região que vão impactar diretamente a Argentina”, explicou.

Estiveram presentes: o presidente do Parlasul, Oscar Laborde; a parlamentar Cecilia Britto, chefa da Delegação da Argentina; os parlamentares Nelsinho Trad, presidente da Delegação do Brasil e Celso Russomanno, vice-presidente pelo Brasil; o parlamentar Manuel Morinigo, chefe da Delegação do Paraguai; o parlamentar Daniel Caggiani, vice-presidente pelo Uruguai; e o parlamentar Oscar Ronderos, chefe da Delegação da Venezuela.




Neiba Ota 

Nenhum comentário: