sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

Veículo usado para prática de contrabando ou descaminho poderá ser leiloado em 90 dias

O Projeto de Lei 5365/19 estabelece que os veículos usados nas práticas dos crimes de contrabando ou descaminho poderão ser alienados no prazo de 90 dias após a decretação do confisco. O texto tramita na Câmara dos Deputados.

A proposta é de autoria do deputado Fábio Trad (PSD-MS) e altera duas normas: o Decreto-Lei 37/66 e o Decreto-Lei 1.455/76. Ambas tratam de regras aduaneiras.

Trad afirma que a finalidade do projeto é viabilizar, de forma rápida, a destinação de caminhões, embarcações, aeronaves e outros meios de transporte utilizados nas práticas dos crimes de contrabando ou descaminho. Hoje, os veículos apreendidos ficam guardados em pátios da Receita Federal.

“As medidas têm por fim evitar o sucateamento ou deterioração dos veículos apreendidos, bem como, diminuir os altos custos de armazenagem e administração desses veículos”, disse Trad.

Os crimes de contrabando e descaminho estão previstos no Código Penal. O primeiro é o ingresso (ou saída) no País de mercadoria ilegal, como drogas. O segundo se caracteriza pelo não recolhimento de impostos e taxas sobre mercadorias e serviços legais importados ou exportados.

A proposta estabelece também que o veículo apreendido poderá ser liberado sob caução, desde que haja “verossimilhança nas alegações do agente infrator”.

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Finanças e Tributação; e Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Fonte: Reportagem – Janary Júnior
Edição - Wilson Silveira
Foto: Vinícius Loures/Câmara dos Deputados

Em menos de 15 dias DOF já apreendeu mais de 74 mil pacotes de cigarros

Número de apreensão de cigarro contrabandeado aumento mais de 600% no primeiro mês do ano, comparado com o mesmo período de 2019
A ação integrada entre Ministério da Justiça e Segurança Pública do Governo Federal e a Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, por meio da Operação Hórus, tem dado resultados positivos no combate ao crime organizado na fronteira. 

Sob coordenação da Secretaria de Operações Integradas (Siop) e com apoio do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) e outras forças estaduais, o número de apreensão de cigarro cresceu no primeiro mês do ano no Estado.

Com o desencadear desta operação em conjunto, somente nos últimos 15 dias, o DOF apreendeu mais de 74.500 pacotes de cigarro. Nestas ações, três caminhões e três carros foram apreendidos e oito pessoas foram presas envolvidas no contrabando.
Durante todo o mês foram apreendidos 85.975 pacotes de cigarro e seis veículos foram apreendidos, sendo três utilitários e três de passeio. Seis pessoas foram detidas. O número de apreensões subiu mais de 600% comparado aos mesmo período de 2019. 

De acordo com o Diretor do DOF, Coronel PM Marcos Paulo Gimenez, estes resultados estão diretamente ligados a integração entre forças federais e estaduais no combate aos crimes transfronteiriços.

“Através desse trabalho em conjunto temos conseguido otimizar os meios e expandir nossas ações, e, consequentemente, aumentar o número de apreensões desses ilícitos, assim com ampliar nossa presença na fronteira deixando-a cada vez mais segura para nossa população” enfatizou o diretor do DOF.



Assecom/DOF

OBRA DE ARTE

A cada novo e belo dia é possível fazermos verdadeiras obras de arte com muita fé, paz interior e sabedoria buscando sempre fazer o bem, pautando nossas ações pelas estradas da vida com respeito, diálogo e compreensão.

Com certeza absoluta e incondicional precisamos libertar nossas mentes da própria razão que escraviza nossos sonhos e criarmos uma energia positiva e irradiante capaz de realizarmos as transformações necessárias para que tenhamos uma sociedade mais justa, inclusiva e solidária.

Que a arte de pintar a cada novo dia os quadros da nossa história possam inspirar a cada um a viver a vida com intensidade, alegria, fé e amor na certeza de estarmos fazendo o melhor por todos.

Que Deus ilumine, guie e abençoe mais esta jornada.

Uma ótima sexta-feira e um final de semana repleto de diálogo e harmonia.

Coronel Rogério

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Senador Nelsinho Trad irá propor audiência pública para debater piso salarial médico

O senador Nelsinho Trad (PSD/MS), relator da sugestão legislativa nº 34/2017, que cria meios legais para garantir a obrigatoriedade de equiparar o piso salarial médico ao que é indicado, anualmente, pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam), irá propor audiência pública no Senado para debater o tema.

A ideia legislativa nº 83.368 obteve 21.415 apoios pelo período de quatro meses no portal e-Cidadania. Assim, se transformou em sugestão legislativa, enviada para a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) a fim de ser debatida pelos senadores e, ao final, receber um parecer.

Em 2019, o piso salarial dos médicos foi fixado em R$ 14.619,39 por 20 horas semanais de trabalho. Além disso, a Fenam alterou o preço sugerido por consulta para R$ 179,45. Esse tipo de reajuste ocorre com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) e serve para orientar as negociações coletivas da categoria.

Os médicos e dentistas tinham uma legislação desde 1961 que regulava a carga horária dos profissionais e o piso salarial no valor igual a três salários mínimos. No entanto, a indexação salarial foi proibida pela Constituição Federal de 1988, o que ocasionou a perda de referência sobre o piso dos médicos brasileiros. Desde então, existe a luta por uma nova legislação que regulamente o salário da categoria.

O senador Paulo Paim (PT/RS), presidente da CDH, designou Nelsinho Trad para ser relator desta matéria. “Como médico, sei da importância de se discutir esta questão, que é polêmica. Por isso vamos promover esta audiência, por conta da necessidade de debater com toda a classe médica a regulamentação do piso salarial. A partir destas discussões, poderemos elaborar um relatório que atenda as demandas da categoria”, explicou o senador Nelsinho.

Na próxima semana, será protocolado requerimento na CDH para solicitar a realização da audiência pública e, posteriormente, a data será agendada e divulgada para toda a comunidade médica.

Ideia legislativa

Qualquer pessoa pode entrar no site do e-Cidadania (https://www12.senado.leg.br/ecidadania) e cadastrar uma ideia legislativa. As ideias legislativas que recebem 20 mil apoios em quatro meses no site, são encaminhadas para a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa e formalizadas como Sugestões Legislativas, nos termos do art. 6º, parágrafo único, da Resolução nº 19 de 2015 e do art. 102-E do Regimento Interno do Senado.

Neiba Ota

Menor é apreendido pelo DOF levando moto furtada dentro de carro roubado para Amambai

Um adolescente de 17 anos foi apreendido por policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) levando para Amambai uma moto e um carro produtos de roubo/furto. A apreensão aconteceu no madruga de hoje (30), durante a Operação Hórus, na MS-156, entre Caarapó e Amambai.

O adolescente seguia a pé pela rodovia, quando foi abordado pelos agentes. Durante busca pessoal os policiais encontraram no bolso do jovem a chave de um carro. Questionado ele falou que pegou um veículo de um desconhecido em Dourados e levaria até a cidade de Amambai. Ele disse aos policiais que o carro havia apresentado defeito e estava parado as margens da rodovia.

Quando os policiais chegaram até local informado onde estaria o automóvel, eles encontraram além do Citroen/C3 AirCross de Aparecida de Goiânia (GO), uma motocicleta Yamaha/Factor de Dourados no interior do veículo. 

Em checagem, os agentes detectaram que o carro havia sido tomado em assalto no último sábado (25/01), em Goiânia (GO) e a moto furtada em Dourados na sexta-feira (24/01). O menor e os veículos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Civil de Amambai. 



O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

DOF fecha mega depósito de cigarros contrabandeados em Mundo Novo

Na ação cinco pessoas foram presas, três veículos apreendidos e mais de 32 mil pacotes de cigarros contrabandeados retirados de circulação
Policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), apreenderam no final da tarde de ontem (29/01), mais de 32 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai, em Mundo Novo. Os militares chegaram ao depósito após denúncia anônima através do Disk Denúncia da unidade.

Os agentes faziam policiamento no município, durante a Operação Hórus, quando receberam a informação que numa mata, às margens da BR-163, próximo a um posto de combustível, teria um depósito de cigarros contrabandeados. Segundo à denúncia ainda, um caminhão estava no local para ser carregado com o material contrabandeado.
 
Durante rondas, os militares encontraram um lugar com as mesmas características. Em vistorias, os agentes visualizaram aproximadamente 10 pessoas no local, que ao perceberem a presença dos policiais empreenderam fuga em meio a uma plantação de soja. Cinco suspeitos foram alcançados e detidos pelos agentes.
 
Na chácara foram encontraram diversas caixas de cigarros de origem estrangeira, juntamente com uma quantia de milho em bags que seria usado pelos contrabandistas para cobrir o material depois que fossem colocados nos veículos.

Também foi apreendido no local um caminhão VW/24 250 de cor branca, com placas de Cordilheira Alta (SC). O motorista não soube explicar onde carregou o milho e não apresentou nota fiscal da carga. O homem de 34 anos já havia sido preso pela Polícia Rodoviária Federal em dezembro do ano passado com um caminhão carregado com cigarros contrabandeados em Rio Brilhante.
 
Além do caminhão foram apreendidos outros dois veículos, um VW/Saveiro e um GM/S10 preta. Os dois motoristas tentaram fugir da abordagem, mas foram presos e não souberam falar os motivos pelos quais estariam no local. Já outros dois detidos informaram que foram contratados apenas para carregar as caixas no caminhão.
 
O cigarro foi encaminhado à Receita Federal de Mundo Novo, já presos e os veículos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal de Naviraí. 

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

VIVA COM ALEGRIA

Temos uma energia pura, positiva e vibrante para transpor qualquer barreira imposta nos caminhos da vida.

Precisamos irradiar a alegria, a dedicação e a vontade de viver a vida construindo desta maneira alicerces sólidos e ambientes saudáveis para termos uma vida melhor.

Quando tornamos nossas vidas mecânicas, automatizadas viramos escravos daquilo que produzimos. Quando acordarmos para a realidade veremos que o tempo não volta mais, instante que devemos repensar o nosso modo de vida para iniciarmos um projeto de reconstrução de uma nova dimensão cultivando a paz interior e a perspectiva de um mundo melhor.

Tem horas que é preciso ter atitude, tomada de decisão e ação para nos desapegarmos e partirmos para um novo horizonte carregando conosco a sabedoria, a fé, a serenidade e o equilíbrio para vermos o sol brilhar com tamanha intensidade alegrando assim nossos corações.

Que possamos sempre recomeçar abençoados e guiados por Deus. Uma ótima quinta-feira!

Coronel Rogério

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

Carro roubado nesta terça-feira em SP foi recuperado no mesmo dia pelo DOF

Policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), recuperaram no final da tarde de ontem (28/01) um Ford Focus que havia sido tomado em assalto nesta terça-feira (28/01), em Itapetininga (SP). 

A apreensão aconteceu na BR-262, em Miranda. 
Os militares faziam barreira no Posto Policial da Polícia Militar Ambiental, durante a Operação Hórus, quando abordaram o veículo que era conduzido por um jovem de 27 anos. Ele não soube explicar a origem do veículo e em checagem os policiais constataram que o Focus tinha sido tomado em assalto na terça-feira.
 
O motorista e o veículo foram encaminhados à Delegacia da Polícia Civil de Miranda.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

CONSTRUA BONS PENSAMENTOS

Os pensamentos são concebidos na mente e com sabedoria o homem consegue realizar grandes obras para beneficiar a sociedade em todos os seus segmentos.

A grande questão nos dias atuais é termos a capacidade de deixar a mente fluir, os bons pensamentos e obrigatoriamente excluir aqueles pensamentos improdutivos, que só atrapalham nossas vidas.

O caminho é inclinarmos nosso ser para os bons pensamentos que agregam, unem e geram uma estabilidade para realizarmos os projetos de vida.

Que Deus nos conceda acolher os pensamentos extraordinários, para materializarmos só as coisas que fazem bem aos nossos semelhantes. Uma ótima quarta-feira.

Coronel Rogério

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Maconha escondida em travesseiro foi apreendida pelo DOF

Policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam na madrugada de hoje (28/01), 13 tabletes de maconha, escondidos em um travesseiro e uma bolsa, que seriam comercializados em boates de Campo Grande. 

A apreensão aconteceu na BR-463, em Dourados, durante a Operação Hórus. Segundo os militares eles abordaram um ônibus que fazia o itinerário Ponta Porã/Campo Grande e encontraram com um rapaz de 18 anos quase dez quilos do entorpecente escondidos em um travesseiro e uma bolsa.

Ele disse aos agentes que comprou a maconha em Ponta Porã, de um desconhecido, e que revenderia em boates da capital. O jovem e a maconha foram encaminhados à Delegacia Especializada em Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron).

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

DOF prende homem portando pistola com numeração raspada próximo a Vila União, em Deodápolis

Um homem de 40 anos foi preso por policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) com uma pistola .380 com a numeração raspada. Com ele ainda foram apreendidos dois carregadores com 26 munições intactas. A apreensão aconteceu na MS-274, próximo ao distrito de Vila União, em Deodápolis.

Segundo os policiais, eles faziam bloqueio na rodovia, durante a Operação Hórus, quando abordaram um veículo Fiat/Strada com placas de Belo Horizonte (MG), conduzido pelo homem de 40 anos e tendo como passageiro outro de 39 anos. Os dois ficaram muito nervosos com a presença dos policiais, sendo realizada uma busca no automóvel pelos militares, que encontraram a arma escondida no porta-luvas.

O motorista afirmou que a pistola seria dele e que não possuía porte. Ele foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Deodápolis. 

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

MUNDO EM TRANSFORMAÇÃO

Somos o finito e o infinito já que vivemos a esperança de uma dimensão que se abrirá no momento certo, como se existisse um portal a ser aberto nestes universos paralelos.

Vamos seguir esta jornada extraordinária de luta e aí ao anoitecer poderemos contemplar o céu com um vasto tapete estrelado estendido nesta imensidão iluminando o caminho que nos levará ao encontro do Pai Celestial.

Desse mundo observamos que tudo foi criado de forma perfeita, mas o homem com sua ganância consegue destruir a si próprio, seu semelhante e a natureza não permitindo assim uma evolução pautada no entendimento e compreensão de que o nosso mundo é para servir a todos.

Sempre teremos tempo para transformarmos este espaço num ambiente fraterno, livre e com perspectivas para melhorar a qualidade de vida.

O caminho a ser seguido é este no qual podemos compartilhar e juntos fazermos uma corrente de sinergia com tamanha potência capaz de iluminar as mentes brilhantes no sentido de que possam olhar para a sociedade como um todo, que clama a cada novo amanhecer por justiça, igualdade, paz, diálogo e proteção.

Que tenhamos uma ótima terça-feira de  compreensão e diálogo.

Que Deus ilumine nossa jornada.

Coronel Rogério

segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Fábio Trad prestigia magistratura e Ministério Público de MS na reforma do CPP

Intenso diálogo com desembargadores, juízes, procuradores, defensores públicos e representantes da OAB tem sido uma das marcas registradas do mandato
Procurador-Geral de Justiça de MS, dr. Paulo Passos e
Presidente do TJMS Desembargador Paschoal Leandro

A comissão especial da Câmara Federal que analisa mudanças no Código de Processo Penal (PL 8045/10) retoma os trabalhos no início deste ano com a missão de entregar ao País um documento moderno, contemporâneo e atento às demandas populares.

Um dos instrumentos mais utilizados para este fim são as audiências públicas, reuniões abertas à participação popular e de especialistas, transparentes e que estimulam amplo debate nas diversas unidades federativas da União.

Na função de presidente da comissão especial do CPP, o deputado Fábio Trad (PSD/MS) fez questão de prestigiar o magistrado sul-mato-grossense em um grande seminário ocorrido no final do ano passado no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.

A audiência reuniu desembargadores, juízes de direito, representantes da sucursal estadual da OAB, professores de Direito Processual Penal, procuradores de justiça, defensores públicos, delegados, dentre outros, que debateram temas como medidas cautelares, casos de delação premiada e condução coercitiva, estabelecimento de prazos de duração da prisão preventiva.

Para o Desembargador Paschoal Carmello Leandro, presidente do Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul (TJMS), a atuação singular junto à reforma do Código de Processo Penal Brasileiro tem sido uma marca do mandato do parlamentar.

“O deputado Fábio Trad sempre se destacou no Mato Grosso do Sul como um criminalista de grande conhecimento jurídico. A preocupação com o debate e a mobilização para ouvir os segmentos em busca de subsídios para aperfeiçoar o CPP são atitudes que, com toda certeza, trarão grandes benefícios ao povo brasileiro”.

De acordo com o Procurador-Geral de Justiça de Mato Grosso do Sul, doutor Paulo Cezar dos Passos, alguns temas discutidos dizem respeito não só àqueles que atuam no sistema de justiça mas também ao dia-a-dia de todo o cidadão sul-mato-grossense.

“A atuação destacada do deputado na relatoria desses projetos impacta diretamente na melhoria do sistema de justiça e, sem dúvida alguma, em novas leis que possibilitam, de modo célere, a punição daqueles que são acusados e culpados de crimes mas, principalmente, no incremento da sensação de segurança do cidadão", disse.

Outros magistrados de Mato Grosso do Sul, como o Procurador-Geral Adjunto, Helton Fonseca Bernardes; o Juiz do Tribunal de Justiça de MS, Carlos Alberto Garcete; e o Desembargador Ruy Celso Barbosa Florence tem colaborado de maneira intensa das discussões do novo CPP e contribuído com inestimável conhecimento e experiência jurídica.
Marca registrada – Prestigiar o magistrado de seu estado já tornou-se uma das marcas registradas do deputado Fábio Trad.Foi assim também em 2011, quando o que estava em pauta era a reforma do Código de Processo Civil (CPC) que valeria para todo o País.

A pedido de Trad, que na ocasião também presidia a Comissão Especial do CPC, o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul sediou o debate sobre o novo código.

DOF apreende 20 mil pacotes de cigarros contrabandeados em caminhão que seguia para Curitiba



Policiais Militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) apreenderam no final de tarde de ontem (26/01), aproximadamente 20 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai. A apreensão aconteceu na MS-145, próximo ao distrito de Ipezal, em Angélica.

Os agentes realizavam policiamento no município, durante a Operação Hórus, quando abordaram um VW/Voyage de cor branca com dois homens, sendo um de 48 anos e um menor de idade de 17 anos. Durante a entrevista os dois apresentaram nervosismo e respostas desencontradas.

Logo em seguida os policiais abordaram um caminhão que seguia no mesmo sentido. O motorista de 40 anos disse aos militares que iria para Curitiba (PR) com ração e apresentou uma nota fiscal falsa. Em busca na carroceria eles encontraram aproximadamente 400 caixas de cigarros contrabandeados embaixo dos sacos de ração.

O motorista afirmou que outros dois homens faziam o serviço ‘bate estrada’ e que eles comunicavam-se através do whatsapp. Segundo o condutor do caminhão ele receberia R$ 5 mil quando chegasse à cidade paranaense. Já os ‘batedores’ afirmaram que ganhariam R$ 1 mil cada um. Todos foram encaminhados à Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron).


O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

VAMOS ACREDITAR SEMPRE

Sabe aquele dia que nada dá certo?

Ou aquele no qual ingressamos em discussões improdutivas e infrutíferas?

E chegamos a conclusão que era melhor o dia terminar logo ou nem termos levantado da cama.

Fatos que acontecem diariamente com todos nós; uns com mais frequência, mas se olharmos por um outro ângulo poderíamos dizer: - Deus está no Controle, logo tudo que não deu certo foi na verdade um livramento.

Um fardo desnecessário que teríamos que carregar no dia.

O ideal é utilizarmos o nosso conhecimento para agradecer por tudo; buscarmos na resiliência a percepção que depois da tempestade, o sol brilhará novamente.

É compreendermos que devemos sempre dar o nosso melhor, construir boas obras, reerguermos os muros da tolerância, do perdão, da espiritualidade e da esperança.

Que com o passar do tempo possamos amadurecer e conectarmos com o Universo e suas infinitas possibilidades sem jamais perdermos o sorriso e o encantamento de que a vida é uma dádiva a ser desfrutada com muita alegria.

Que nossos dias se tornem mais leves, nossa alma possa estar em sintonia com outras como pontes que ligam os dois lados e possibilitam seguir o destino.

O importante é nunca desistir, mas sim persistir e enfrentar as adversidades com fé bondade, humildade e amor; deixe apenas fluir as coisas boas do coração e tudo acontecerá com naturalidade.

Que Deus ilumine nossa jornada. Ótima segunda-feira e uma bela semana.

Coronel Rogério

sábado, 25 de janeiro de 2020

Homem e mulher são presos pelo DOF levando droga em uma van para Rondonópolis e Luziania

Duas pessoas foram presas por policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na noite de ontem transportando maconha em uma van. As apreensões aconteceram na MS-162, no município de Maracaju, durante a Operação Hórus.

Segundo os policiais eles abordaram o veículo com um reboque e durante buscas localizaram duas malas com diversos tabletes de maconha. Através das identificações das malas os policiais conseguiram localizar os donos do entorpecente.

Em uma das bolsas, foram encontrados 25 tabletes de maconha. Uma jovem de 25 anos afirmou aos policiais que pegou a droga na fronteira e levaria até a cidade de Luziania (GO), onde receberia R$ 1 mil. Já na outra bagagem, os militares localizaram 11 tabletes.

Um rapaz de 20 anos disse que pegou a bolsa em Ponta Porã com o entorpecente e deixaria na cidade de Rondonópolis (MT) e que ganharia R$ 2.5 mil pelo serviço.

Os dois foram presos e encaminhados junto com o entorpecente à Delegacia da Polícia Civil de Maracaju. O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

Caçadores são presos pelo DOF com revolver e espingarda em Maracaju

Duas pessoas foram presas por policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), em um veículo Fiat/Punto com um revolver e uma espingarda calibres .22 no município de Maracaju, na noite de ontem (25/01).

As prisões aconteceram na MS-262, durante abordagens da Operação Hórus.
O motorista do veículo, um homem de 27 anos, assumiu a propriedade da espingarda, enquanto o passageiro, de 19 anos, foi preso com o revolver no bolso. Além das armas também foram apreendidas 37 munições em uma caixa intactas.

Os dois disseram aos policiais que iriam para a fazenda de um amigo caçar. Eles foram encaminhados Delegacia da Polícia Civil de Maracaju onde irão responder pelo crime de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

O carro e o homem foram levados à Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron).

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

DOF recupera carro de locadora que voltaria com droga para Goiânia

Policiais Militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) recuperaram no início da tarde de ontem (24/01) um Jeep/Renagade, com placas de Belo Horizonte de uma empresa de locação de veículo. O automóvel já estava com queixa de furto, registrado na 4a Delegacia de Polícia Civil Santo André (SP).

A apreensão aconteceu na MS-295, durante abordagem da Operação Hórus, no município de Iguatemi. O condutor do Jeep, um homem de 34 anos, disse aos policiais que pegou o veículo de um desconhecido em Goiânia (GO) e levaria até Sete Quedas (MS), onde carregaria aproximadamente 100 quilos de maconha. Pelo transporte o motorista afirmou que iria receber R$ 5 mil.

O carro e o homem foram encaminhados à Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira (Defron). O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

Nove veículos são apreendidos pelo DOF com mercadorias contrabandeadas do Paraguai

Um comboio de carros com mercadorias contrabandeadas do Paraguai foi apreendido por policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na manhã de ontem (25/01), na MS-164, em Ponta Porã, durante a Operação Hórus.

Ao todo, nove veículos foram apreendidos transportando vários produtos como cigarro, pneus, isqueiros vestuários, eletrônicos perfumes e cremes. Todos foram encaminhados à Receita Federal em Ponta Porã.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

sexta-feira, 24 de janeiro de 2020

A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO

Aprendemos nesta vida a superar a dor, a perda de familiares e amigos, a buscar forças quando parece que já não existem mais.

Aprendemos que podemos fazer sempre o melhor por todos quando agimos com respeito, amor ao próximo, tolerância e serenidade.

Sabemos que cada um carrega consigo sua história de luta e de vida e assim podemos passar para aqueles que convivem conosco, que é possível sim enfrentarmos as adversidades, vencermos as barreiras e transpormos os obstáculos que a vida nos impõe quando temos força de vontade, disciplina, determinação, perseverança, fé e dedicação.

Que Deus nos abençoe. Uma ótima sexta-feira e um belíssimo final de semana.

Coronel Rogério

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

DOF prende mulher de 18 anos que levava droga de Coronel Sapucaia para Amambai

Policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), prenderam no final da manhã de ontem (22-01), uma mulher de 18 que transportava maconha de Coronel Sapucaia para cidade de Amambai.

A prisão aconteceu durante bloqueio da Operação Hórus, na MS-289, que liga os dois municípios. A jovem levava quase três quilos de maconha em um ônibus que faz o trajeto entre as duas cidades. Ela disse que pegou a droga de um desconhecido na fronteira e levaria até a cidade vizinha. A acusada e o entorpecente foram encaminhados à Delegacia da Polícia Civil de Amambai.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

PENSE MELHOR

A cada amanhecer podemos cultivar a paz interior, transmitir a alegria de viver a vida, a perspectiva de olharmos para ver o sol brilhar aquecendo nossa alma e nosso corpo.

Procurar sempre fazer o bem com um sorriso contagiante mesmo que tenhamos problemas dos mais diversos, já que a essência do nosso ser está justamente em buscar o equilíbrio e a harmonia para prosseguirmos passo a passo pelas estradas da vida sendo o melhor caminho para o nosso crescimento.

Os momentos inesquecíveis, mágicos e que nos fazem ter cada vez mais amor à vida estão pertinhos de nós podendo ser o sorriso de uma criança, um abraço, um bom dia com toda energia positiva e principalmente quando observamos dentro de nós que podemos ser felizes quando procuramos construir uma sociedade participativa, inclusiva, solidária e distributiva.

Desta maneira o amor romperá as barreiras da vida para ingressarmos numa nova e eterna dimensão de entendimento e compreensão da real razão da nossa existência no qual repousa a fonte da sabedoria e a substância invisível que vem da alma que nutrirá os sonhos, desejos e esperanças de um mundo melhor.
Que Deus ilumine, guie e abençoe nossa jornada.

Uma belíssima quinta-feira.

Coronel Rogério

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

AINDA DÁ TEMPO

Que Deus nos dê a oportunidade para realizarmos as obras de caridade, bondade, solidariedade e de amor, afinal de contas, só depende de nós.

Que a luz divina habite nossos corações, fazendo brotar a sabedoria e a fé para estendermos a mão ao próximo.

Uma ótima quarta-feira.

Coronel Rogério

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

FLECHA LANÇADA NÃO TEM VOLTA

A vida não permite ensaios, as palavras ditas como flechas certeiras não tem volta, o passo avante não permite retroceder, a viagem não realizada só gera arrependimentos e os nossos sonhos senão realizados, permanecerão sendo meros sonhos.

Assim quando conversarmos precisamos estabelecer uma conexão mútua de conhecimentos para ampliar nossa aprendizagem como fator primordial para uma sociedade melhor.

Temos que ter perseverança para enfrentarmos quaisquer desafios e a paciência de um monge para realizarmos a colheita dos bons frutos ao longo da estrada da vida.

A escola da vida é um espetáculo fascinante, ímpar e inimaginável no qual à espécie humana precisa conhecer melhor cada cultura e o momento histórico como fatores decisivos para o bem da humanidade.

Que Deus nos conceda mais um dia de muito diálogo, espiritualidade e compreensão.

Ótima terça-feira com muitas alegrias.

Coronel Rogério

segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

DOF apreende mais de 22 mil pacotes de cigarros contrabandeados do Paraguai

Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), apreenderam no final da tarde de sexta-feira (17), um caminhão com 450 caixas de cigarros contrabandeados. Os agentes chegaram até o veículo após uma denúncia anônima à equipe que realizava patrulhamento na região de Eldorado, durante a Operação Hórus.



O caminhão estava parado em um local ermo próximo ao Porto Morumbi escondido atrás de galhos e lonas, uma tentativa dos contrabandistas de esconder o cigarro. O produto e o veículo apreendidos foram encaminhados à Receita Federal de Mundo Novo. Ninguém foi preso.



O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

DOF recaptura um dos fugitivos da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero no Paraguai

Policiais militares do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), recapturaram na manhã de hoje (20), um foragido da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, no Paraguai. A prisão aconteceu depois que os militares reforçaram o policiamento após a fuga na unidade prisional, na madrugada deste domingo.

O homem de 30 anos, morador em Imperatriz (MA), foi abordado pelos agentes na Região de Fronteira. Durante entrevista dos militares, o suspeito demonstrou forte nervosismo e acabou confessando aos agentes que havia fugido da penitenciária paraguaia junto com outros 75 presos.

O homem cumpria pena por tráfico de drogas e estava preso na Penitência Regional há 4 anos. Ele será encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Ponta Porã.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

SERES DE LUZ

Já ouviram falar em seres de luz? Difícil, imperceptível, mas uma realidade que está presente em nossas vidas.

São elas que nos permitem diminuir os erros, corrigir a rota e continuar pela estrada com alegria, fé e amor.
Seres de luz são todas as pessoas que cruzam nossas vidas, que permanecem e partem diariamente, mas sempre iluminam nossa jornada.

Cada uma de maneira muito especial, nos ensinando a trilhar pelo caminho da humildade, simplicidade e bondade.

Elas vivem conosco e não percebemos; são crianças, jovens, adultos e da terceira idade, um valor incalculável de luz para nossos dias de escuridão.

Recarregam nosso ser, animam a vida, trazem consigo o sabor da alegria e nos guiam em todos os momentos.

Mesmo diante de tantas adversidades sempre estão conosco; nos ajudando a nos tornar pessoas melhores.

Que saibamos valorizar mais e perceber que seres de luz sempre estarão dispostos a transformar o nosso caminho; para isto basta que saibamos enxergar com a alma e sentir a espiritualidade conectando-se como um raio de sol nos dias nublados da vida.

Uma ótima segunda-feira e uma semana abençoada por Deus.

Coronel Rogério

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Foragido da justiça por tráfico, associação criminosa e porte ilegal de arma foi recapturado pelo DOF

Um foragido do sistema prisional de Campo Grande com passagens por tráfico de droga, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e associação criminosa foi preso por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na madruga de hoje (18), em Maracaju.

Os militares realizavam bloqueio na MS-162, durante a Operação Hórus, quando abordaram um veículo com placas de Campo Grande com quatro pessoas dentro. Durante checagem aos passageiros, os policiais constataram que um jovem de 22 anos estava evadido do sistema prisional. Ele foi preso e encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Maracaju.

O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

fonte: Assecom/DOF

Policiais do DOF recuperam veículo roubado onde família foi feita refém



Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), recuperaram no final da tarde de ontem (17), na zona rural de Amambai, uma Hilux SW4 branca, tomada em assalto em 2018, em Brusque (SC). Na ação dos criminosos para levar o automóvel, quatro pessoas da mesma família foram feitas reféns dentro da própria casa, enquanto o veículo e outros objetos eram roubados.

A recuperação do veículo aconteceu durante a Operação Hórus. Os militares realizavam o patrulhamento em uma estrada vicinal quando o condutor da SW4 avistou a viatura, fez o retorno bruscamente e abandonou logo em seguida, fugindo em meio a uma mata.
 
No utilitário foram encontradas várias placas clonadas, inclusive de municípios do Estado. O automóvel foi entregue na Delegacia da Polícia Civil de Amambai.
 
O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF

ESFORÇO DIÁRIO

Que a cada queda nos levantemos mais fortes, que a cada erro consigamos reencontrar os acertos, que o poder de ensinar, de argumentar, de refletir sirva para qualificar nosso ser.

Assim poderemos desenvolver a capacidade de partilhar e compartilhar o quanto a vida é bela.

Que Deus ilumine nossa jornada com muita serenidade, paz interior e a alegria de viver a vida.

Uma ótima sexta-feira e um excelente final de semana!!

Coronel Rogério

quinta-feira, 16 de janeiro de 2020

DOF prende paulistas que faziam “checagem da qualidade de maconha”, um usava tornozeleira eletrônica



Quatro pessoas foram presas por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), na madrugada de hoje (16), em um assentamento no município de Ivinhema, após dois serem abordados quando iam até uma propriedade rural ‘checar a qualidade’ da maconha que iram levar para São Paulo.

As prisões aconteceram durante policiamento na zona rural do município, decorrente da Operação Hórus, quando os agentes abordaram um Toyota Corolla de cor branca, com placas de Rio Claro (SP), com dois passageiros de 32 e 23 anos moradores em São Paulo.


Depois de várias contradições, os homens afirmaram que estavam na região para ‘comprovar a qualidade’ da maconha que eles iriam levar para Descalvado (SP) e que o entorpecente estava numa fábrica de ração. No local informado pela dupla, os policiais localizaram mais de 214 quilos da droga em fardos.

O motorista de 32 anos, disse que veio para região com um outro homem de 33 anos e que estava no local a mando dele atestando a ‘qualidade do produto’.  O condutor do Corolla afirmou aos policiais que aprovou a qualidade da maconha e estava indo a Dourados para definirem com outras duas pessoas como iriam levar a droga para o outro estado.



Segundo a dupla, eles iriam, juntamente com o dono da droga, de 33 anos, realizar o serviço de batedores no Corolla e em um GM/Corsa e que ele os esperava em uma casa em Dourados. Na residência, os policiais encontraram o suposto dono do entorpecente e outro intermediador, de 42 anos, proprietário da casa, que explicou aos policiais que iria apenas auxiliar na ‘logística’ do transporte.

O dono da residência disse aos militares que conhecia os três paulistas de contatos feitos através da cadeia e que não foi ao local onde estava o entorpecente porque estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica. Os quatros e a maconha foram encaminhados à Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira.



Assecom/DOF

PERDOAR RESTAURA NOSSA PAZ

A esperança renasce em nossos corações quando ficamos aliviados, quando fazemos o bem e quando acreditamos que tudo é possível.

Perdoar é uma grandeza que restaura nossas vidas, dá uma nova luz e acende o farol da liberdade.

Perdoar não significa esquecer, a ferida irá cicatrizar com o tempo, mas jamais será apagada da memória e da nossa história de vida.

Se começarmos o ano com uma atitude nova, constante e de fé, poderemos aliviar o nosso fardo, externar nossos sentimentos puros e reaprender a dar um passo de cada vez para sentir a luz brilhar no nosso ser.

Que Deus nos ensine diariamente o valor do perdão, para curar nossas mágoas, angústias e sofrimentos.

Uma ótima quinta-feira para compreendermos que o perdão enobrece a alma e eleva o espírito Àquele que nos deu a vida.

Coronel Rogério

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

DOF já supera primeira quinzena de 2019 nas apreensões de maconha, cigarro e agrotóxico

O Departamento de Operações de Fronteira (DOF), já ultrapassou os seus próprios números recordes de 2019 nos primeiros 15 dias deste ano. Durante a primeira quinzena de 2020, os policiais já efetuaram a apreensão de quase 4 mil quilos de maconha, número superior aos 3.3 mil quilos apreendidos no mesmo período do ano passado.



Com relação ao cigarro aos números são ainda mais expressivos, dobrando o volume já apreendido este ano. Somente nestes 15 dias, já foram retirados de circulação mais de 11 mil pacotes de cigarro contrabandeado, o dobro dos 5.500 do mesmo período de 2019. Com relação ao agrotóxico o aumento foi ainda maior, chegando a mais de 100% de crescimento.



Com a função de realizar o patrulhamento itinerante da fronteira do Estado com o Paraguai e a Bolívia, no combate aos crimes fronteiriço, o DOF tornou-se referência no país no combate ao tráfico de drogas e contrabando.



Ano a ano, a unidade de fronteira tem superado seus próprios números, que já são expressivos, alcançando em 2019 o recorde histórico na apreensão de maconha, e pela primeira vez em 32 anos de criação, ultrapassou as 100 toneladas de maconha apreendidas em um único ano.

De acordo com o subdiretor da unidade, tenente coronel J. Roberto, este aumento representa o trabalho contínuo e esforço dos policiais no combate aos crimes de fronteira. “São policiais treinados, capacitados, dedicados e que buscam a cada dia melhorar as técnicas para tirar de circulação esses produtos ilícitos e pessoas que cometem esses crimes, tornando nossa fronteira um lugar mais seguro”, conclui o subdiretor.

Assecom/DOF

Três projetos de Fábio Trad ganham destaque nacional em portais jurídicos

JusBrasil, Conjur, Tribuna da Justiça e outros ressaltaram aspectos contemporâneos das propostas, alinhadas às demandas da sociedade

Além de beneficiar o País como um todo e aprimorar as leis das mais diversas maneiras, bons projetos também são aqueles que estimulam na sociedade o debate e a reflexão. Nos últimos quinze dias, três proposições do deputado Fábio Trad (PSD/MS) ganharam destaque e menções elogiosas dos principais e mais confiáveis portais jurídicos, direcionados aos profissionais do Direito.

O PL 1020/19 é destacado pelo site JusBrasil como um projeto que alinharia o Brasil às mais avançadas legislações penais do mundo pois criminaliza o stalking e o cyberstalking, fenômeno antigo que, no entanto, é observado mais cuidadosamente pela sociedade há alguns anos. O termo deriva do verbo “stalk”, que não tem tradução exata para o português, mas se aproxima de “perseguir incessantemente”.

“Se aprovado, criará o artigo 147-A no Código Penal – assediar alguém, de forma reiterada, invadindo, limitando ou perturbando sua esfera de liberdade ou privacidade, de modo a infundir medo de morte, de lesão física ou a causar sofrimento emocional substancial, o que incidira pena de reclusão de três a cinco anos e multa”.

“Incorre na mesma pena aquele que praticar o assédio obsessivo ou insidioso qualificado com uso de tecnologia informática para inclusão, alteração de dados ou usurpação de identidade digital da vítima”, acrescenta o autor do artigo, doutor Caio de Sousa Mendes, advogado criminalista especialista em Direito Penal e Processual Penal.

De tão relevante e atual, o assunto tornou-se tema de uma série da NETFLIX, um dos maiores sucessos da plataforma de videostreaming, com mais de 40 milhões de visualizações em suas primeiras quatro semanas. Denominada “You” (Você), a história, baseada no livro homônimo de Caroline Kepnes (2014) narra a vida de uma aspirante a escritora chamada Guinevere Beck, que encontra em seus tortuosos caminhos um jovem romântico (Joe Goldberg), um stalker que utiliza a Internet e as mídias sociais para descobrir tudo sobre a vida da moça e conquista-la. A estranha paixão rapidamente torna-se obsessão e, para tê-la, ele se propõe a qualquer coisa, até mesmo matar.

Fato semelhante ocorreu há cerca de dez anos em Mato Grosso do Sul, onde uma radialista do município de Costa Rica se viu obrigada a fugir do Estado após anos de perseguição de um fã. Foram ligações, presentes e até doações em dinheiro, além de declarações do stalker sobre uma eventual vontade divina que justificasse a união de ambos. A radialista chegou a mudar-se para a Europa, onde também não teve paz.

Omissão de Socorro
Outro tema contemporâneo que invariavelmente ganha grande repercussão e engajamento nas redes sociais está umbilicalmente ligado ao crescimento vertiginoso das mídias digitais.

Em reportagens publicadas no início deste ano, o site potiguar Tribuna da Justiça, o mato-grossense VG Notícias e o blog rondoniense Painel Político destacam a importância do PL 745/19, também do deputado Fábio Trad, para que a solidariedade volte a prevalecer entre as pessoas que se preocupam mais em publicar nas suas timelines fotos e vídeos de acidentes de trânsito e tragédias do que em prestar socorro às vítimas.

“O PL altera o Código Penal para aumentar a pena para o crime de omissão de socorro quando o agente preferir registrar, por meio de fotografia ou filmagem, um acidente ou desastre (...)a pena é aumentada pela metade se a omissão resultar em lesão corporal de natureza grave (...) e triplicada se resultar em morte”, informam os sites.

Além da questão legal propriamente dita, o projeto do deputado Fábio Trad alerta a população sobre a necessidade de se reconstruir princípios e valores de uma sociedade solidária, que se preocupa com o sofrimento do outro.

No atual cenário do espetáculo, onde prevalece o circo de horrores, a falta de empatia e a indiferença com o próximo, há cerca de um ano chamou a atenção de todo o país a imagem da vendedora Leiliane Rafael da Silva, 29 anos, socorrendo o motorista de caminhão João Adroaldo Tomanckeves, 52 anos, que envolveu-se no acidente com o helicóptero onde estava o jornalista Ricardo Boechat.

A moça desceu da moto e salvou a vida do motorista enquanto os homens à sua volta se preocuparam apenas em fotografar e filmar a ocorrência para divulga-la em suas redes sociais.

Quarentena
Também resultou em imenso debate e até foi vítima de grande onda de fake news um projeto do deputado (PL 247/19) que amplia de seis meses para seis anos o prazo para juízes deixarem a carreira e se candidatarem. O mesmo vale para membros do Ministério Público.

Na ocasião, diversas pessoas alegaram que o PL seria uma tentativa do parlamentar de evitar que o ministro da Justiça, Sérgio Moro, pleiteasse o cargo de presidente da República nas eleições de 2022.

A informação, no entanto, é inverídica uma vez que o projeto não se aplica aos que se afastaram de suas funções públicas por aposentadoria ou exoneração, que é o caso do ministro.

Considerado por muitos o mais completo veículo independente de informação sobre Direito e Justiça, o site Conjur destacou a importância da proposta para evitar a concorrência de magistrados e promotores que encontram-se em situação privilegiada para fazerem campanhas eleitorais dentro de suas instituições. E o fato de dirigentes políticos aguardarem 36 meses para ocuparem cargos em estatais enquanto os magistrados e integrantes do Ministério Público esperam somente seis meses para participarem de eleições. “É uma questão de isonomia”.

O site enfatiza que a proposta de Fábio Trad “cria uma vacina contra o uso político de carreiras jurídicas num cenário em que cada vez mais juízes e membros do MP cogitam deixar suas funções para a vida política” e “se aplica perfeitamente ao exemplo da ex-senadora Selma Arruda (PSL/MT), cassada em agosto de 2019 por agir em interesse próprio”.

Em seu voto pela cassação, o ministro Luis Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral, disse que a ex-parlamentar “negociou a candidatura com o PSL com a toga no ombro”. De fato, segundo a cronologia dos fatos, a aposentadoria da ex-juíza só foi autorizada pelo Tribunal de Justiça do Mato Grosso após a filiação no PSL e anúncio da candidatura.

O caso de Selma é exemplar, pois as infrações não pararam por aí. Ainda em agosto de 2019, a 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Mato Grosso anulou, por suspeição, condenação a 18 anos de prisão por peculato imposta por ela ao conselheiro do Tribunal de Contas do estado, Humberto Bosaipo. No entendimento dos desembargadores, a ex-juíza julgou o caso por “interesse pessoal” na repercussão da prisão do réu famoso na região. Na época da condenação, em 2015, ela já planejava se candidatar.

A decisão, unânime, se baseou em depoimento de duas assessoras de Selma Arruda. Uma delas, que trabalhou menos de dois anos com a juíza até ser demitida por ela por “atitudes pouco republicanas”, disse que sua chefe dava prioridade a casos de “repercussão social” porque já pensava em se candidatar a senadora, informação confirmada por outra assessora, que trabalhou mais de dez anos com Selma.

“Quando juíza, ela chamava a si própria de “Moro de saia”, diante do orgulho que tinha em pesar a mão para condenar réus famosos – especialmente políticos – dando provimento aos requerimentos da acusação e ignorando os pedidos da defesa. Assim, ganhou reputação de xerife não somente na imprensa local como diante de seu potencial eleitorado”.

“Como candidata ao Senado, pegou R$ 1,5 milhão emprestados de seu candidato a suplente e os usou em sua campanha, deixou de declarar dinheiro arrecadado e se autofinanciou em valores maiores que o permitido em lei. Tudo isso durante a pré-campanha e apenas semanas depois de ter deixado a magistratura”.
 

Mesmo durante as férias, senador Nelsinho Trad consegue quase R$ 2 milhões da União para MS

Costa Rica será atendida com R$ 1,8 milhão da Funasa e R$ 155 mil do Ministério da Cidadania para Douradina

Mesmo com o recesso parlamentar, o senador Nelsinho Trad (PSD/MS) esteve nesta semana em Brasília para conseguir a liberação de mais recursos federais ao Estado de Mato Grosso do Sul. 



Hoje, anunciou que Costa Rica recebeu R$ 1,8 milhão da Funasa (Fundação Nacional de Saúde) para obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário do município e terá mais R$ 7,2 milhões. 

Ontem, obteve do Ministério da Cidadania R$ 155 mil para aquisição de equipamentos ao município de Douradina. “Nós, aqui, trabalhando para que as cidades de MS possam se desenvolver”, comentou o senador Nelsinho Trad.

O parlamentar começou bem o ano com a liberação de quase R$ 2 milhões nesta primeira quinzena de 2020. No ano passado, conquistou R$ 78, 5 milhões de recursos federais liberados de emendas de exs-parlamentares que foram apresentadas de 2013 até 2017 e estavam paradas nos ministérios. O senador Nelsinho Trad continua atuante nessa missão e obteve essa verba para Douradina e Costa Rica.

Para 2020, as expectativas do parlamentar são ainda mais otimistas. “Já temos R$ 172, 9 milhões empenhados, o que significa o compromisso de que serão pagos. Desses valores, R$ 22,1 milhões já foram repassados pelo Ministério da Saúde. Então, teremos R$ 150,8 milhões da União para atender projetos como melhorias das estradas e restauração da BR-262”, explicou o senador Nelsinho Trad.



Projetos empenhados
-Restauração da Br-262; 
-Manutenção de estradas;
-Pavimentação e serviços de drenagem para Jardim Noroeste e Bairro Tarumã em Campo Grande;
-Asfalto para Rua Presidente Prudente de Moraes em Sonora;
-Pavimentação no Jardim Dourado em Três Lagoas;
-Asfalto para Corumbá, Dourados, Deodápolis e Costa Rica,
-Construção do parque tecnológico em Ponta Porã;
-Ginásio de esportes para Nova Andradina e Itaquirai, 
-Ônibus escolares para Eldorado, Antônio João, Dois Irmãos do Buriti, Nova Andradina, Naviraí e Coxim; 
-Recursos para bombeiros, UFMS e UFGD;
-Atenção do Ministério da Saúde para Vicentina e Maracaju e reforma do hospital em Deodápolis.​

Neiba Ota

DOF apreende agrotóxico contrabandeado do Paraguai

Duas pessoas foram presas por policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), no final da tarde de ontem (14), depois de serem flagradas transportando diversos pacotes e litros de agrotóxicos contrabandeados do Paraguai. A apreensão aconteceu na MS-384, na zona rural de Ponta Porã.

Os militares faziam policiamento na região, durante a Operação Hórus, quando avistaram o casal em uma GM Montana de cor branca em alta velocidade.

Durante a abordagem os agentes localizaram, debaixo de vários sacos vazios de sementes, 120 quilos de inseticidas além de 40 litros do mesmo produto escondidos.

Questionado sobre a origem dos produtos, o homem disse que adquiriu os agrotóxicos de um produtor rural que tem fazenda no Paraguai e que não possuía as notas fiscais de compra. No veículo também foi encontrado um rádio comunicador. O casal e os agrotóxicos foram encaminhados à Delegacia da Polícia Federal de Ponta Porã.



O DOF mantém um canal aberto direto com o cidadão para tirar dúvidas, receber reclamações e denúncias anônimas, através do telefone 0800 647-6300. Não precisa se identificar e a ligação será mantida em absoluto sigilo. O serviço funciona 24 horas por dia, sete dias por semana.

Assecom/DOF