quarta-feira, 27 de junho de 2018

Projeto "Bom de Bola, Bom na Escola" da PMMS realiza manhã de lazer para crianças na sede da AME-MS

A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul, através da Diretoria de Polícia Comunitária e Direitos Humanos (DPCOM) realizou na terça-feira (26/06) uma manhã de lazer para as crianças e adolescente do projeto “Bom de Bola, Bom na Escola”, na sede da Associação dos Militares Estaduais de Mato Grosso do Sul (AME-MS), localizada na Rua do Sul, nº 220, Bairro Coophamat.


A manhã de lazer foi realizada pela DPCOM/PMMS em parceria com a AME-MS, que gentilmente cedeu o espaço para o evento e ocorreu como forma de premiação para os alunos destaques do projeto, contando com a presença dos professores do programa Robson Marques, Diego Teixeira, Thiago Amaral, Wilker Lima, Joel Pereira e Diego dos Santos que são formados em Educação Física, bem como dos policiais militares Cabo PM Alex Lopes Nantes, Cabo PM Wilson de Souza Gomes e Soldado PM Marcelo Rodrigo Schuller de Almeida, que são atuantes no Bom de Bola.


O projeto Bom de Bola, Bom na Escola é coordenado atualmente pelo Major PM Air Cícero Silva Cansanção e funciona desde abril de 2010, atendendo mais de 2.382 adolescentes e possui como premissa principal promover a inclusão social através da parceria entre a Polícia Militar, Família e Escola.

O Coordenador do projeto, Major PM Cansanção menciona que “o programa caracteriza-se como uma ação de polícia comunitária e visa a oferecer aos jovens com idade entre 10 e 17 anos a possibilidade de realizar escolhas saudáveis, afastando os adolescentes das drogas e da violência, promovendo a paz e praticando a cidadania através do esporte.”

Para o Diretor da DPCOM, Coronel PM Thonny Audry Lima Zerlotti: “O Bom de Bola, Bom na Escola tem como objetivo integrar a sociedade e a Polícia Militar, aproximando os jovens e suas famílias, valorizando e difundindo a cultura e a paz, o esporte e o lazer”.


O Comandante-Geral da PMMS, Coronel PM Waldir Ribeiro Acosta parabenizou os responsáveis pelo projeto e reafirmou a importância das Ações Afirmativas de Polícia Comunitária como uma forma de parceria entre a Polícia Militar e a População do Estado.

Nenhum comentário: