quarta-feira, 20 de junho de 2018

"Contra acordão": em nome da democracia, Fábio Trad anuncia pré-candidatura ao governo de Mato Grosso do Sul

Deputado federal teme um provável "acordo de gabinetes" entre atuais pré-candidatos
O deputado federal Fábio Trad (PSD) e, por enquanto pré-candidato à reeleição, anunciou nesta quarta-feira (20), que pode concorrer ao Governo de Mato Grosso do Sul em caso de desistência de um dos três principais postulantes. O parlamentar acredita que com a saída de um deles o processo eleitoral se tornaria menos democrático e mais próximo de um "acordão".

A divulgação de uma possível pré-candidatura foi feita durante entrevista ao programa de rádio Jornal da Hora – 92,3 FM.

''Serei candidato ao governo de Mato Grosso do Sul, caso ocorra acordo malcheiroso com a desistência de um dos candidatos: Odilon, Reinaldo ou Puccinelli'', promete.

A decisão, segundo Fábio, seria difícil para ele porque renunciaria sua reeleição à Câmara, no entanto, considera que há algo mais importante em jogo.

''Sei que tenho poucas chances, no entanto vou sacrificar a reeleição a deputado federal para restaurar a democracia e o respeito à população'', refletiu. Ele finaliza dizendo que o eleitor não pode ser enganado por algo que chama "acordo de gabinetes" entre os atuais pré-candidatos.

Nenhum comentário: