domingo, 17 de junho de 2018

CHOQUE prende militar do exército brasileiro após envolvimento em assalto que terminou com morte de seu comparsa

Foi preso na manhã deste domingo (17) um quarto envolvido no assalto a um mercado no Nova Campo Grande, de propriedade da mãe de um policial militar do Batalhão de Choque, que resultou na morte de um dos assaltantes.

Matheus de Almeida Pereira é soldado do CMO (Comando Militar do Oeste) e foi preso na Moreninhas III. Ele foi identificado com o condutor do veículo Gol prata, que teria auxiliado o trio durante a tentativa de assalto.

Ele informou aos policiais que estava de férias da corporação. O outro participante do crime que teve sua identidade revelada foi identificado como Roberto Barbosa Junior, o Juninho. Ele morreu após fugir por duas quadras em uma perseguição policial.

Segundo as informações mais detalhadas sobre o caso, a tentativa de furto teria ocorrido por volta das 21h. O policial militar teria ido a loja de sua mãe, e contou à Polícia que viu Juninho e outros dois indivíduos encapuzados tentando arrombar um caixa.

O PM disse que o grupo estava armado. Ao perceberem a reação do policial, um dos assaltantes teria dito “não corre, se não você toma tiro”.

O policial então voltou para casa e buscou seu revólver, e depois retornou ao mercado, se identificando como policial militar. O trio então fugiu e correu por duas quadras, entrando em um terreno baldio. Na entrada do matagal, o policial conseguiu imobilizar um dos assaltantes.

Segundo os relatos, o PM teria deixado o bandido sob custódia junto de seu pai, e entrou no mato em busca dos outros dois fugitivos. Um deles foi encontrado no meio do terreno, dizendo que não estava armado.

Enquanto dava voz de prisão ao rapaz, o terceiro integrante do grupo, o Juninho, teria disparado contra o PM, dando início à troca de tiros. Uma equipe policial chegou para dar reforço. Os policiais entraram no matagal, e encontraram Roberto ferido, de porte de uma arma.

O rapaz foi socorrido ainda com vida e encaminhado à Santa Casa, porém não resistiu aos ferimentos. Os outros dois integrantes do trio foram presos e encaminhados à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

O PM disse que um veículo Gol prata teria dado apoio aos assaltantes, porém o condutor, já identificado, teria fugido. A mãe do policial contou também que assaltos na região são constantes, e que seu mercado já teria sido roubado por doze vezes.

Nenhum comentário: