domingo, 19 de março de 2017

Trio invade casa para roubar, atira contra policiais e usa moradoras como escudo

José Carlos Ramos Afonso Junior, de 27 anos, Rayson Medina da Silva, de 18 anos, e um adolescente de 16 anos foram flagrados durante um assalto na Rua General Carneiro, no São Jorge da Lagoa. O trio invadiu a casa na noite de sábado (18), atirou contra policiais e usou as moradoras como escudo, mas acabou levado para a delegacia.

Colocado em liberdade pela Justiça após ser preso suspeito de cometer roubos em janeiro deste ano, José Carlos foi até a casa com os comparsas após ser informado por ‘Gordinho’ que no local havia R$ 70 mil e duas armas de fogo, fato não constatado pela polícia. Na residência estavam duas mulheres, de 24 e 31 anos, que conseguiram ver a ação dos bandidos pelas câmeras de segurança.

As vítimas ouviram ruídos e puderam ver pelo monitor que os três homens estavam no quintal da casa, quando acionaram a Polícia Militar. A ação do trio foi rápida e os assaltantes conseguiram invadir a residência e pegar aproximadamente R$ 3 mil antes da chegada da polícia. Quando os militares chegaram, os ladrões saíram usando as vítimas como escudo.

Armado com um revólver, José atirou contra os policiais, que não revidaram. Mesmo assim, os militares conseguiram prender em flagrante os dois rapazes e apreender o adolescente, que estava armado com uma faca. Os três foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, onde deram detalhes sobre o crime.

Conforme o delegado Cleverson Alves, plantonista da Depac, José foi preso em janeiro e Rayson foi apreendido com ele. Eles foram alvos de uma ação da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos) suspeitos de cometerem assaltos e José chegou a ser preso com uma arma de fogo, mas foi colocado em liberdade dias depois.

Com várias passagens pela polícia, os três responderão ainda por roubo majorado pelo concurso de pessoas, pelo emprego de arma e pela restrição de liberdade das vítimas, além de porte ilegal de arma de fogo, associação criminosa, corrupção de menor e tentativa de homicídio praticada contra os policiais.

Nenhum comentário: