quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Análise aponta adulteração nos combustíveis de 8 postos em Goiás

A fiscalização do Procon Goiás foi realizada no último semestre de 2016 e no início deste ano. Nesse período, 80 porções de diesel, etanol e gasolina foram recolhidas.

Do total, 13 amostras de oito estabelecimentos apresentaram problemas. Além da capital, eles estão localizados em Aparecida de Goiânia e Senador Canedo, ambos na Região Metropolitana.

Diante da situação, os postos estão sujeitos a processos administrativos. A instauração dos procedimentos cabe à ANP.

Veja a lista dos postos que apresentaram irregularidades:

Posto Makro - Localizado no Bairro Nossa Senhora de Lourdes, em Aparecida de Goiânia

Posto Hiper Moreira - Localizado no Setor Coimbra, em Goiânia

Posto Monte Carlo - Localizado no Setor Pedro Ludovico, em Goiânia

Posto Millenium VII - Localizado na Vila Bom Sucesso, em Senador Canedo

Posto Millenium XII - Localizado no Setor Castro, em Senador Canedo

Posto Millenium VIII, no Jardim Flamboyant, em Senador Canedo

Posto Consolação - Localizado no Setor Esplanada dos Anicuns, em Goiânia

Posto Carrefour - Localizado na Vila Bela, em Goiânia


Em nota, a assessoria de imprensa do Posto Carrefour informou que após tomar conhecimento do caso, instaurou um procedimento para "averiguar qualquer desvio de processo de forma isolada". Afirma ainda que a venda do produto (diesel) está interrompida e será retomada apenas quando feitas as correções. A assessoria pontuou ainda que a qualidade do produto é atestada por um instituto independente e que está à disposição dos clientes e autoridades.

Já a assessoria do Posto Hiper Moreira afirmou que ainda não foi notificada da situação, mas defendeu-se dizendo que utiliza um único fornecedor - "um dos mais renomados do país" - e que possui uma carta deste demonstrando equívoco no resultado da análise.

Sobre o Posto Millenium, a assessoria informou que os estabelecimentos "não apresentam qualquer irregularidade" e que as unidades "estão em total legalidade". Afirmou ainda que vai procurar a Justiça para que as providências sejam tomadas.

O G1 e a TV Anhanguera não conseguiram contato com os postos Monte Carlo e Consolação.

Já o posto Makro ficou de encaminhar retorno, o que não ocorreu até a publicação desta reportagem.

O Procon de Goiás divulgou nesta quarta-feira (11) uma lista com oito postos da Grande Goiânia que apresentaram algum tipo de adulteração nos combustíveis. As amostras foram coletadas pelo órgão e enviadas para análise da Agência Nacional do Petróleo (ANP), que constatou o problema.

Nenhum comentário: